APÓS ONDA DE CRIMES, DELEGADO GERAL PROPÕE PACTO PELA SEGURANÇA À DELEGADOS


Com o objetivo de reforçar a segurança na Grande Natal, que registrou somente entre a terça e a quarta-feira desta semana 13 mortes no estado, o delegado geral de polícia civil, Fábio Rogério, reuniu-se na tarde desta quinta feira (2) com os delegados da Região Metropolitana para discutir as ações inerentes à polícia judiciária.

O foco da reunião foi a mobilização de policiais civis para que efetuem prisão de marginais, para isso os delegados da Grande Natal firmaram um pacto pela segurança. Durante esta semana outras reuniões nesse sentido já haviam sido realizadas com outros delegados.

“Estamos fazendo um planejamento operacional, no sentido de combater e diminuir a criminalidade, prendendo essas pessoas que estão traficando, matando, roubando para que a sociedade e o cidadão Potiguar tenha mais segurança. As estratégias estão sendo discutidas para que possamos dar uma resposta à sociedade o mais rápido possível”, afirma o delegado geral, Fábio Rogério.

Os crimes com características de execução que ocorreram entre o fim de abril e início deste mês serão o foco principal das ações da Polícia Civil.

Na ocasião o delegado geral falou ainda sobre implantação do programa Brasil Seguro no RN. Segundo ele, o projeto vai proporcionar investimentos na ordem da infraestrutura, o que proporcionará um policiemnto mais ostensivo. “Teremos mais policiais nas ruas com o apoio de um centro especializado ao crime”, disse.

Segundo ele, a ideia é trazer para o RN um sistema que já tem alcançado bons resultados em outros estados, a exemplo de Alagoas. Ainda sobre o projeto, ele diz que, sem dúvida será um dos reforços na busca por minimizar a onda crescente de violência que se abateu no estado.
PORTAL NO AR

Nenhum comentário:

Postar um comentário