SANDRO PIMENTEL: “CRIMINALIDADE GANHA CORPO E GOVERNO TEM FICADO INERTE”

Em seu pronunciamento na Câmara, vereador do PSOL cobrou ações de Rosalba Ciarlini com relação a Segurança

O assassinato de mais um policial militar (João Maria da Silva) nesta quinta-feira (18) foi o tema do pronunciamento feito pelo vereador Sandro Pimentel na Câmara Municipal de Natal. Além de afirmar que “a criminalidade ganha corpo e o Governo de Rosalba tem ficado inerte”, o parlamentar afirmou ser solidário a família do PM morto no início da tarde.
“Nós últimos dias o foco principal tem sido os próprios policiais. E quero dizer que o nosso mandato está solidário a família do soldado PM Silva, mais um policial que acaba de ser assassinado no nosso Estado. Já são cinco assassinados no nosso Estado só em abril”, comentou Sandro Pimentel, acrescentando que “fico me perguntando até onde esse nível de negligência. Até onde esse nível de desprezo do Governo vai continuar?”
Segundo Sandro Pimentel, a insegurança não “é mais meia-noite, uma hora da manhã, é qualquer hora”. “Se até os policias militares, que são preparados para combater o crime organizado, imaginemos nós, o que vamos fazer. Chegamos a um ponto de desespero”, comentou ele, se dirigindo a Rosalba para dizer que “já chegamos a metade do seu governo, e vossa excelência ainda não disse o que vai fazer para resolver o problema da insegurança do nosso estado”.

Para Sandro Pimentel, se o Governo do Estado não tem condição de tomar medidas realmente significativas para resolver o problema da segurança, seria melhor, pelo menos, se desculpar. “Governadora, tenha a grandeza de pedir desculpas do nosso Estado. Tenha a grandeza de dizer que é incompetente para resolver os problemas do Rio Grande do Norte. Isso não resolve, mas já é uma demonstração de grandeza”, analisou.
PORTAL NO AR

2 comentários:

  1. POLÍTICOS ASSIM, A NOSSA SOCIEDADE RECUSA. INFELIZMENTE! PARTIDOS COMO O PSOL QUE É O PARTIDO DOS TRABALHADORES DE VERDADE, NOSSA SOCIEDADE RECUSA. POBRE SOCIEDADE BRASILEIRA.

    ResponderExcluir
  2. É uma pena que a câmara municipal, a assembléia legislativa e a câmara federal sejam locais de pura demagogia, onde a foz do poder legislativo é quase muda, se comparado ao executivo e ao judiciário. Precisamos de menos demagogia e mais ação!
    Ah, por falar nisso... que fim levou a bolsa formação e a bolsa copa? Saudades...

    ResponderExcluir