DEPUTADO MAJOR ROCHA DIVULGA NOTA DE APOIO AO 3º SARGENTO ISAÍAS BRITO

Acabo de ser informado que o Sgt PM Isaías, do 3º BPM, vai ser punido com 5 (cinco) dias de prisão, por ter manifestado sua opinião pessoal sobre questões políticas nas redes sociais.

Depois de receber o reconhecimento nacional, através de uma pesquisa de opinião realizada pelo instituto DATAFOLHA, que apontou a Polícia Militar do Acre como a mais honesta do Brasil, nossos policiais são “recompensados” com essa prática autoritária e abusiva por parte do governo. É triste ver que em pleno século XXI, enquanto a legislação penal cria benefícios para criminosos, policiais são tratados com muito mais rigor que os bandidos.

Sabemos das dificuldades enfrentadas por nossos milicianos que, por força de uma legislação inconstitucional, são obrigados a calar diante dos descasos e da falta de condições de trabalho.

Aos nossos militares são aplicadas normas ultrapassadas, que foram criadas durante o regime totalitário, aquelas mesmas que os petistas condenavam antes de assumirem o governo. O objetivo é evidente, fazer com que as mazelas e as mentiras que testemunhamos no nosso dia a dia não sejam reveladas.

A tática petista é manter um clima de terror e de ameaças para evitar o vazamento da verdade. Aqueles que ousam desafiar o sistema são punidos severamente para servirem de exemplo para os demais. Alguém tem dúvida que a punição do Sargento Isaias é fruto dessa tática? Conheço bem esse “modus operandi” petista, foi assim no governo Binho Marques quando criamos a AME-AC. Aqueles que ousam falar as verdades inconvenientes, que “dão com a língua nos dentes”, pagam com o cerceamento de suas liberdades, com a privação do convívio com familiares.

Penso que essa estratégia é equivocada, provoca mais revolta e indignação entre os nossos profissionais de segurança pública. Foi com esse método truculento que os petistas conseguiram eleger um deputado estadual na oposição. Pior é que a arrogância e a prepotência faz com que eles não tirem lições dos erros que cometem. Acho que está em gestação mais um ROCHA, alguém que não aceita mais ficar calado diante do descaso e que não se dobra diante das ameaças.

Querem, por exemplo, que fiquemos calados quando eles mentem, dizendo que nossos salários são os melhores do Brasil, enquanto nós sabemos que isso é a mentira mais deslavada que existe. Na verdade o que eles querem é “tapar o sol com a peneira”. Querem escamotear a realidade dos quarteis caindo aos pedaços, das viaturas sem condições de circular, da falta de fardamento, da falta de treinamento, da falta de apoio para trabalhar, da carga excessiva de trabalho, do cerceamento de direitos, da perseguição, dos baixos salários e de muitas outras realidades que eles querem esconder. Realidades que incomodam àqueles que vendem ilusões para o nosso povo.

Sei que o sistema vai tentar trucidar o Isaías, pode ter certeza que estarei lá para evitar a repetição de muitos dos abusos que vivi. Quero ver se vão querer impedir a minha entrada e a minha permanência no quartel do Batalhão de Polícia Ambiental, local que foi escolhido para ele cumprisse a sentença que lhe foi imposta. Minha intenção é acompanhar o cumprimento dessa sentença absurda e podemos até pensar em uma carreata para comemorar a soltura do Isaias.

Não aguentamos mais as velhas mentiras e as velhas práticas de intimidação, onde os incompetentes comandam por conta de um regulamento disciplinar draconiano.

Quando alguém solicitar o auxílio da PM, através do 190, e o socorro demorar por falta de efetivo, é bom que nosso povo fique sabendo que existem policiais militares que estão fora das ruas, policiando tudo aquilo que falam do governador e de outros petistas através da internet. Qual a relevância desses serviço que é prestado pelo tal Núcleo de Inteligência do Gabinete Militar do Governador?

É verdade que somos a polícia militar mais honesta do Brasil, no entanto esse feito deve ser creditado única e exclusivamente aos pais e mães de família que compõe as fileiras da PMAC, tenho muito orgulho de ser Policial Militar, no entanto tenho que registrar que alguns indivíduos que se curvaram aos interesses dos poderosos me deixam envergonhado.

A prisão de Isaías ocorrerá, não por conta de uma transgressão pois, a Constituição Federal garante a todos os brasileiros o direito de expressar sua opinião. Basta olhar o texto da nossa lei maior, para ver que ela não exclui os policiais militares desses direitos que são considerados como fundamentais a todos os cidadãos.

Queremos ser reconhecidos como cidadão pleno, não como um cidadão de segunda categoria. Queremos expressar nossas opiniões e fundamentalmente queremos respeito.
Wherles Rocha – Maj PM R/R

2 comentários:

  1. Concordo com o Deputado, a respeito do SISTEMA, pois eles nos tratam não como funcionário público, mas como propriedade sua pra impor sua autoridade.Duvido esses do SISTEMA terem autoridade para beneficiar o funcionário público, só tem autoridade pra prejudicar, usando de represália com o subordinado,pra atender aos caprichos da ELITE global, nacional e estadual, pra deixar a sociedade em geral alienada com copa do mundo,carnaval,natal,páscoa,festas tradicionais e outras coisas mais que nós conhecemos.Infelizmente o povo em geral,não conhece a força que tem,pois se soubesse seria bem diferente as coisas,mas infelizmente a ELITE investe todas as suas forças pra que isso não ocorra.Que pena.

    ResponderExcluir
  2. Concordo com o Deputado, a respeito do SISTEMA, pois eles nos tratam não como funcionário público, mas como propriedade sua pra impor sua autoridade.Duvido esses do SISTEMA terem autoridade para beneficiar o funcionário público, só tem autoridade pra prejudicar, usando de represália com o subordinado,pra atender aos caprichos da ELITE global, nacional e estadual, pra deixar a sociedade em geral alienada com copa do mundo,carnaval,natal,páscoa,festas tradicionais e outras coisas mais que nós conhecemos.Infelizmente o povo em geral,não conhece a força que tem,pois se soubesse seria bem diferente as coisas,mas infelizmente a ELITE investe todas as suas forças pra que isso não ocorra.Que pena.

    ResponderExcluir