APRAM DIVULGA NOTA SOBRE ESCALAS DIFERENCIADAS INSTITUÍDAS PELO COMANDO DA PM

A Associação de Praças da Polícia Militar de Mossoró e Região (APRAM) vem por meio deste comunicado repudiar a disposição contida na Resolução Administrativa Nº 001/2013 – GCG publicada no Boletim Geral Nº 061 do dia 03 de Abril de 2013, onde estabelece jornadas de trabalho para o serviço operacional, especializado e de guardas.

Com tal medida esta associação entende que o serviço de guarda e seu efetivo fora amplamente prejudicado, pois a escala fixada em 24 horas de serviço por 48 horas de folga exigirá bem mais do homem policial em suas condições físicas e psíquicas, onde consideramos uma situação desumana. Além disso, o caráter exclusivo da referida escala imposta somente ao efetivo de guardas pode ser compreendido como uma ação discriminatória e desigual uma vez que outros serviços, motorizado por exemplo, continuarão com suas folgas mantidas numa jornada diferenciada.

Ciente da situação e imbuído pela vontade de lutar pela justiça no ambiente de trabalho de seus associados, o presidente da entidade, Soldado Tony, já levou o problema aos comandos locais a quem externou a insatisfação dos militares. Caso não consiga resolver a situação de maneira administrativa, a entidade promete intermediar uma solução junto a outros órgãos como OAB, Ministério Público, etc. Comunicado, o Vereador Soldado Jadson também se pronunciou firmando incondicional apoio à causa e disposto a buscar uma solução para o problema.

A APRAM pede a atenção da tropa e convoca o efetivo militar para participar das mobilizações e atos em prol de melhores condições de trabalho e escalas humanas no contexto da Polícia Militar do RN.
APRAM

Nenhum comentário:

Postar um comentário