ASSEMBLEIA GERAL UNIFICADA DISCUTIRÁ LEI DE PROMOÇÕES DE PRAÇAS


As Associações dos Militares Estaduais estarão promovendo no próximo dia 27 de março uma Assembléia Geral Unificada que discutirá a Lei de Promoções de Praças. O Projeto de Lei já foi entregue ao Governo do Estado, onde está sendo analisados questões sobre legalidade e impacto financeiro na folha de pagamento do Estado. Atualmente, o Projeto já se encontra para análise na COPAG, setor onde será realizada a análise do impacto financeiro para o Estado com a implantação da Lei. Desde que foi protocolado no dia 26 de fevereiro, o Projeto de Lei já passou por quatro secretarias, entre elas a Secretaria de Segurança, Gabinete Civil, Controladoria Geral do Estado e Secretaria de Administração e Recursos Humanos. A Assembléia Geral Unificada promovida pelas associações dos militares estaduais (ASSPMBM, ACS, ABM, APBMS, ASSPRA, ASPRA, APRAM e ASPIPERN) está prevista para ocorrer no dia 27 de março (quarta-feira), às 9 horas, no Clube Tiradentes.
SOLDADO GLAUCIA

10 comentários:

  1. Bando de babão Henrinque Alves é contra a PEC 300 ...

    ResponderExcluir
  2. poi bem se ele é vamos da o trouco no procismo vai tar eleiçaõ para reelejer ele vamos sabaer votar dando um naõ pra ele meus companheiros eu ja votei nele naõ voto mais sou POLICIAL MILITAR E TENHO ORGULHO DE SER DA POLICIA MILITAR DO RIO GRANDE DO NORTE um grande abraço do compaheiro CB PM AGENOR JUCURUTU BPM ASSU RN

    ResponderExcluir
  3. Oi boa noite, não quero ser pecimista mas tenho minhas duvidas quanto a aprovação deste plano de cargos, vejam só esta tal de rosalba ja deu este bendito subsidio, que só beneficiou aos graduados como é que ela vai aprovar isto, vcs querem que o raio caia duas vezes na PM, feito aquele PM que foi promovido duas vezes por bravura, isto só vai acontecer novamente quando a PM completa 1000 anos, vamos briga pra ela pelo menos repor o efetivo que foi embora desde o incio de seu governo, esta mulher não promove nem contrata ninguém, pra vcs terem ideia tem policiais promovidos há dois anos atraz que ainda não recebe e sem fala das mudanças de níveis e abono permanencia que é outra briga pra ela pagar, este é um pequeno resumo deste governo do DEM de Zé Agripino que acabou com a PM.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Tenho desconfiança no encaminhamento, por parte do governo, desse projeto de promoção de praças, mas não perco a esperança e estarei lutando e me fazendo presente nas reuniões e mobilizações. É o único jeito de presionarmos e sensibilizarmos o governo,a opinão pública e demais colegas da corporação. Temos de nos unir sem baderna ou arruaças, mais sim de forma inteligênte com cartazes, divulgação na mídia de uma forma geral, além de mobilizações ordeiras.

    ResponderExcluir
  6. Uma coisa é certa, se ficarmos esperando cair do céu vamos ter que continuar esperando, esperando, esperando...

    ResponderExcluir
  7. No texto do despacho do Comando Geral, o mesmo reconhece o direito dos militares de serem promovidos, mas que deixa de efetivar o ato de promoção em observância a uma decisão do Tribunal de Contas do Estado, a qual trata a respeito de medidas direcionadas à diminuição de despesas, bem como o ofício circular da CONTROL, que versa sobre o limite prudencial e consequente vedação legal de despesas com pessoal, em virtude da Lei de Responsabilidade Fiscal.

    Com a decisão, mais uma vez os militares são prejudicados quanto à ascensão profissional. Atualmente, a Polícia Miltar do RN possui mais de mil vagas para a graduação de cabos e sargentos, as quais se fossem preenchidas possibilitariam os militares de ascender profissionalmente.Vamos orar e pedir a Deus que o nosso plano saia.

    ResponderExcluir
  8. daqui a mais ou menos cinco anos tudo sera rasouvido,é só esperar.

    ResponderExcluir
  9. daqui a mais ou menos cinco anos tudo sera rasouvido,é só esperar.

    ResponderExcluir
  10. A luta está só começando e precisamos que todos se façam presentes sempre !! Não importa se vai sair dinheiro ou nao, se vai sair promoção ou nao, temos que aprovar a lei depois se vê o resto !! tb acho que para o bem da pec 300 todos os estados deveriam aprovar na proxima eleição ao menos um deputado federal e um estadual representante das policias e bombeiros.... deveriamos tb ano que vem em votaçao escolher nosso representante pra votarmos juntos num só, sem interesses individuais mas sim coletivo. Gostaria que tivessemos ao menos uma assembleia por mês e alguns eventos como forma de pressão !!! Enfim estou com vcs companheiros, sem pessimismo, com fé e firme para a luta.

    ResponderExcluir