POLICIAIS CIVIS NÃO IRÃO MAIS TRABALHAR NO CIOSP DEVIDO RISCO DE DESABAMENTO


O Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol/RN) divulgou nota nesta sexta-feira (22) informando que o prédio do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (CIOSP/RN), localizado no Tirol, zona Leste de Natal, ameaça desabar e, por esta razão, a partir de segunda-feira (25) os policiais civis não irão mais trabalhar no local. De acordo com a nota, a estrutura física do prédio é “precária” e oferece “risco iminente de morte” a quem trabalha no local. Segundo a nota do Sinpol, os policiais civis que trabalham no Ciosp passam a se apresentar na Delegacia Geral de Polícia (Degepol) a partir desta segunda (25). “Os servidores ressaltam que não estão abandonando seus trabalhos e se apresentarão na Degepol na expectativa de que seja providenciado local seguro para que possam desenvolver o importante trabalho que desempenham”, diz a nota. O documento informa ainda que a decisão dos policiais foi comunicada à Sesed com 72h de antecedência por meio de ofício. De acordo com o Sinpol, existe estrutura concluída desde 2010 no prédio do antigo IPERN que seria destinada ao Ciosp.
G1

9 comentários:

  1. É incrível como os praças da polícia militar ainda continua com a mesmo pensamento dos policiais de antigamente: "sim senhor, não senhor, quero morrer". Esse pessoal da militar não sabe contestar não, é? Até quando eles vão ficar trabalhando em prédio com risco de desabar ou mesmo matá-los por uma descarga elétrica simplesmente para mostrar aos seus superiores que são selva". Abram os olhos, vocês morrem, suas famílias ficam sem vocês e a polícia continua... Assisti há algum tempo atrás uma matéria na televisão onde esse prédio foi evacuado pois, se não me falta a lembrança, estava se balançando, quase desabando, e, pelo que estou percebendo, os problemas não foram solucionados, continuam piores. E você, amigo policial militar? Até quando? Você tem filhos, esposa, pai, mãe...

    ResponderExcluir
  2. companheiro insensivel isso e uma pura verdade, enquanto existir militarismo, dentro desta centenaria corporaçao sofrida humilhada, nao vai melhorar nunca,quando acontece uma reuniao para melhoria so aparece quatro gato pingado e diferente da PC que respeitao suas convocaçaoes, aquele predio faz tempo que esta com este problema e nada de soluçao, so quando cair se deus a livre ai vai virar estatistica e sepultar os menos esclarecido, e o que agente nao quer pq e pais de familia e maes de familia que estao trabalhando em prou da sociedade.

    ResponderExcluir
  3. Não sei o q vc "caxia" chama de "menos esclarecidos" porque lá não tinha só "DOUTORES" da PM, tinha da PC tambem e há muito tempo a questão é q a gratificação de quem esta lá não é pqna não e talves quem esteja denunciando deixou de receber e estar revoltado. Aquele predinho estar lotando o pessoal do siosp, PM, BM e PC não é de hoje, tão querendo passar na papainha na boca do neguinho é? Há e qd disse "DOUTORES" é pra esses policiais q pq tem um 3º Grau "PAGO" só querem "trabalhar" no bafo e enchem o peito e dizem "SOU FORMADO" e ficam trabalhando em cúbiculos sem condições físicas e qd perdem a boquinha choram igual a bebezinho. Tenho dito e se alguem puder me provar o contrario me digam, quero dar meus parabens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu Deus!!!! Parabéns, é de homens como vc que o governo quer, com seus direitos e tolhidos e aceitando calado,amigo o prédio vai cair e não vai escolher que tem ou não nível superior!!!!!!

      Excluir
  4. Suplico em preces misericordioso Jesus para que este prédio não caia sobre esses abnegados militares sem noção do risco de vida que correm.

    ResponderExcluir
  5. O Problema é que o Sinpol não pode decidir, mesmo oficiando a SESED, sem a existência de um laudo peridical do bombeiro ou do ITEP atestando tal fato.

    ResponderExcluir
  6. marcio o SINPOL decidiu e pronto , é uma classe bem representada e unida . bombeiro ou do ITEP dão o laudo que o governo quiser ,Como os PM´s fazem o que patrão manda de olhos fechados e não luta pelos aposentados , reformados e inativos militares do RN. POUCA PEIA PRA POLICIAL MILITAR É BOBAGEM.
    Suplico em preces misericordioso Jesus para que este prédio não caia sobre esses abnegados militares SEM NOÇÃO do risco de vida que correm.

    ResponderExcluir
  7. NA VERDADE O QUE ESTÁ HAVENDO ENTRE PC E GOVERNO É BRIGA MESMO. CLARO QUE A VIDA DOS PC´S É IMPORTANTE, MAS SERVE COMO FUNDO DE MESA PARA A GUERRA QUE A SIMPOL TRAVA COM O GOVERNO ROSALBA. O PROBLEMA É QUE A PC FICOU MAL ACOSTUMADA, POIS NO GOVERNO WILMA ELES RECEBIAM AUMENTOS NA CALADA DA NOITE. JÁ NO GOVERNO ROSALBA A FONTE PRA ELES SECOU, ESTÃO SOFRENDO O PÃO QUE O DIABO AMASSOU. NÃO NOS ESQUEÇAMOS DESSE DETALHE. LEMBRO-ME QUE NO GOVERNO GARIBALDI OS SALÁRIOS ENTRE UM PC E UM PM EM INÍCIO DE CARREIRA ERA EQUIVALENTE. OS MAIS ANTIGOS SE LEMBRAM BEM DISSO. ESSA DIFERENÇA ENTRE UM PC EM INÍCIO DE CARREIRA E UM PM SE TORNOU GRITANTE NO GOVERNO WILMA. ESSE PESSOAL NOVO QUE ENTROU A POUCO TEMPO NA PM NÃO SABE DISSO E PRECISA SABER. NÃO SOU NENHUM POUCO DEFENSOR DO GOVERNO ROSALBA, POR SINAL ACHO ATÉ UM GOVERNO FALHO EM TODO, MAS PRECISAMOS SABER QUEM NOS VALORIZOU ANTES DE COMPRAR BRIGA DA POLÍCIA CIVIL.

    ResponderExcluir