PM HUMILHADO POR SUPERIOR ENTRA NA JUSTIÇA E GANHA INDENIZAÇÃO

Um policial militar recebeu da Justiça o direito a uma indenização por ter sido humilhado pelo comandante de sua unidade durante um interrogatório. A sentença foi dada pela 3ª Vara da Fazenda Pública e confirmada pelo TJRN, por danos morais. O militar vai receber do estado o valor de R$ 4 mil. Tudo começou quando o policial fez uma abordagem em dezembro de 2003, na companha de colegas de guarnição. Havia dois cidadãos suspeitos em um veículo e os policiais pediram que os caras parassem. O cara que estava no banco do carona se desentendeu com os PMs , dizendo que era filho de um sargento. No final do dia, o soldado foi convocado ao Quartel do Comando Geral, onde foi submetido a várias humilhações pelo comandante de sua unidade. Sendo obrigado a ficar por dez horas de cócoras e sem roupas, passando por rigorosa revista e interrogatório. Revoltado, o policial entrou na justiça contra o estado. E ganhou a parada.
JACSON DAMASCENO

2 comentários:

  1. custou demais p aparecer justiça, isso ja aconteceu com varios PMs de serviços, mais esta mudando, aconteceu com uma VTR do 1BPM em plena praça gentil ferreira alecrim os tres pms foram acusados e em seguida abordados por VTRS do choque passaram a maior vergonha todo mundo vendo, no final foram inocentados e desmoralisados a suposta vitima disse q nao foi eles, e nao foram atras dos seus direitos.

    ResponderExcluir
  2. 4 mil é muito pouco para a humilhação !! Mas me digam uma coisa, e os autores da humilhação continuarao a desonrar a farda da gloriosa ???????

    ResponderExcluir