HOMEM QUE COMERCIALIZAVA CRACK NA RUA FOGE E É PRESO PELA POLÍCIA

Dois homens foram presos em flagrante na tarde desta quarta-feira em Nova Cruz, Região Agreste potiguar. Eles portavam 26 pedras de crack, munição de arma de fogo, dinheiro e material para embalagem de drogas. A ação conjunta do Serviço Reservado P2, o GTO e a Rádio Patrulha receberam várias denúncias anônimas pelo 190. As informações indicavam um homem comercializava drogas na rua Campo Santo, conhecida como 'rua do Sapo'. A operação conjunta das polícias, comandada pelo major Tavares, do 8º Batalhão da Polícia Militar, se dirigiu ao local e conseguiu prender Roniely Fernandes da Silva. O acusado tentou fugir ao ver a presença policial. Segundo informações do 8º BPM, Roniely correu e entrou em uma residência. A polícia chegou ao local e encontrou também 26 pedras de crack, que o fugitivo alegou ser pertencente a Marcos Antônio da Silva, o "Marquinho', proprietário da casa. Os policiais revistam a residência e encontraram R$ 1.796, um revólver de calibre 38, quatro celulares, vários saquinhos plásticos (didim) e uma gilete - material utilizado para embalagem de drogas. Os dois presos foram encaminhados à 6ª Delegacia de Polícia onde serão autuados em flagrante por tráfico de droga e porte ilegal de arma.
DN ONLINE

Nenhum comentário:

Postar um comentário