ONDA DE VIOLÊNCIA CAUSA TEMOR EM MOSSORÓ E REGIÃO OESTE

HOMEM BALEADO
Dentro da violência urbana que se instalou em Mossoró, com o registro de cinco assassinatos de domingo (10) até hoje (15), além das tentativas de homicídio, a segunda maior cidade potiguar contabilizou mais três alvejados a tiros em menos de três horas. Os ataques ocorridos entre as 17h e 20h de ontem (14) vitimaram um jovem de 21 anos e um adolescente na área do "Alto do Louvor" e um homem de 45 anos na zona rural da cidade.

A tentativa de homicídio na noite dessa quinta-feira foi registrado na travessa Rodrigues Alves, conhecido como "Beco do Cacete", no bairro Bom Jardim. José Edson Castro da Silva, de 21 anos, foi atingido com dois disparos na região dorsal e no ombro. Edson estava em companhia de um adolescente que também foi atingido de raspão nas pernas. Os responsáveis pelos tiros foram dois homens em uma motocicleta.

De acordo com a polícia, Edson disse que havia ido ao local pegar um conhecido para uma festinha de aniversário e não sabe quem tentou matá-lo. Ele foi atendido por uma equipe de Suporte Avançado "Alfa" do Samu e levado para o Hospital Regional Tarcísio Maia, enquanto que o adolescente, com ferimento leve, não aceitou ser removido.

Segundo informações do médico Intervencionista do Samu, Dr. Ivan Brasil, José Edson Castro da Silva, que sofreu dois disparos, pode ter complicações de saúde. No local onde o foi atingido, a região entre o tórax e abdômen, existem órgãos importantes. A outra tentativa de homicídio de ontem aconteceu na comunidade rural de Sitio Rincão, na região de Passagem de Pedras. Jean Carlos Felício da Cunha, 45 anos de idade, foi alvejado com dois disparos de arma de fogo: um disparo transfixante no braço direito e outro na região lateral do abdômen.

Segundo informações, Jean estava deitado em uma rede na casa de uma namorada e dois elementos trocavam tiros no meio da rua atingindo o mesmo de forma acidental. A vitima foi socorrida para o Hospital Regional Tarcisio Maia, por uma equipe de socorristas do Samu.

Cinco assassinatos em seis dias
A polícia de Mossoró registrou cinco assassinatos dentro de um período de seis dias. No início manhã de quarta-feira (13), um jovem foi identificado como Josean Sabino Lopes, de 23 anos, conhecido como "Pesão", foi assassinado com três disparos de arma de fogo na "favela do velho", situada nas Malvinas, no Alto de São Manoel. Além desse caso, Rondney Victor Leal da Fonseca e Joel Lemos Alves, ambos de 15 anos, foram mortos durante alegado confronto com a PM.

A ocorrência deixou o soldado Fredson Medeiros de Souza, de 33 anos, baleado. Ele segue internado no hospital. E ontem (14), Juslan Ataíde de Freitas, mais conhecido como "Bodim", de 22 anos de idade, perdeu a vida após ser alvejado com três tiros em ataque no conjunto José Agripino, no bairro Santo Antonio, que também deixou um jovem de 14 anos baleado. A polícia investiga os ocorridos.

COREIO DA TARDE

Nenhum comentário:

Postar um comentário