TIROTEIO EM BARAÚNA DEIXA DOIS BANDIDOS MORTOS

Uma operação conjunta envolvendo uma viatura com "Quatro Policiais" do Destacamento da cidade de Baraúna e uma guarnição, com "Cinco Policiais" do Grupo Tático Operacional, GTO de Mossoró, na manhã, sábado 21 de Janeiro de 2012, termina com dois indivíduos mortos.

Há dois meses que o comando do policiamento da cidade vinha recebendo denuncia por parte de moradores, do constante movimento de trafico de drogas e ameaças de mortes na Rua Professor Amauri Ribeiro, a conhecida “Rua da Vara” no centro da cidade.

Semana passada dois policiais lotados na cidade receberam o comunicado que iriam morrer a qualquer momento. As ameaças partiam de uma pessoa conhecida como “Junior Bandido”, que era natural da cidade de Baraúna, mas vivia em constante peregrinação entre o Estado do Ceará/Baraúna/Mossoró.

Os militares receberam a informação que “Junior Bandido” havia chegado à “Rua da Vara” e que estaria reunido com um grupo planejando as ações, dentro de uma residência, na manhã de hoje.

O comandante do policiamento pediu reforço a Central de Operações em Mossoró. Uma guarnição do GTO foi enviada e, juntamente com os policias da cidade montaram um cerco na residência apontado como sendo o local onde o grupo estava reunido. Os indivíduos efetuaram vários disparos de escopeta calibre 12, contra os policiais e tentaram se refugiar dentro de um matagal nos fundos da residência.

Os policiais revidaram a ação e balearam dois indivíduos que ainda chegaram a ser conduzidos para o hospital de cidade, mas já chegaram sem vida à unidade Hospitalar. Os outros quatro elementos, todos com passagem pela policia conseguiram escapar.

Francisco das Chagas Pereira, "Chaguinha" do bairro Santa Helena, 39 anos de idade, morreu no confronto. Segundo informações “Chaguinha” Trabalhava como cobrador de “Junior Bandido”. A policia encontrou um caderno com anotações e acredita que era usado para a contabilidade do trafico.

Francisco Acelino Barbosa Junior "Júnior bandido", 26 anos de idade também foi morto no confronto. O mesmo era acusado por homicídios, varias tentativas e tráfico de drogas em Mossoró, Baraúna e até no Estado de Ceará. Aqui em Mossoró o ponto base de “Junior” era o bairro Ouro Negro, onde o mesmo se refugiava.

Os policiais encontraram com os dois indivíduos mortos, Duas escopetas calibre 12, uma delas de repetição com capacidade para sete cartuchos. 10 Cartuchos de 12 intactos e oito deflagrados. Uma pistola 380 municiada e com dois carregadores e 11 munições intactas. Cerca de 700 gramas de maconha, 30 gramas de crack, uma balança de precisão, um radio comunicado tipo Ht, usado para monitorar a freqüência de radio da policia. Uma das armas foi usada ao ponto de explodir o final do cano.

Uma viatura da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas, Rocam, foi ao local da ocorrência, com um oficial da policia militar, mas apenas para oferecer apoio aos companheiros envolvidos na operação e colher informações que serão repassadas ao comando do 12º Batalhão.

O Tenente Luiz Almeida, Comandante do Policiamento da cidade acredita e espera que com a morte dos dois acusados, o numero de crimes e o trafico de droga na cidade de Baraúna, diminua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário