GOVERNO ROSALBA SE OMITE NO COMBATE AS DROGAS E “ESQUECE” O PROERD

25 comentários:

  1. Amigos esse PROERD tem um bom fundamento, mas na verdade só serve mais uma vez para desviar os policiais de suas verdadeiras funções.

    A função da PM é POLICIAMENTO OSTENSIVO E PREVENTIVO, essa função deveria ser exercida por educadores da Secretaria de Educação, aí uns policiais que não querem estar nas ruas ficam cantando musiquinhas e se achando melhores que aqueles que estão "no batente", e ainda dizem que está faltando efetivo.

    Venham ás ruas PROERD, depois de alguma experiência , aí quem sabe voces possam contribuir com alguma palestra mostrando o ponto de vista de quem trabalha fazendo o serviço pesado.

    ResponderExcluir
  2. Esse sr. Paulo Paulada é um pobre coitado mesmo e nem sabe do que fala. Nós trabalhamos ostencivamente cidadão e em locais de risco, que acho que o sr. não entraria. Procure saber mais sobre o trabalho dos policiais do Proerd do RN que são nacionalmente conhecidos como a melhor tropa do Proerd do Brasil, recebendo vários prêmios internacionais.Procure valorizar seus companheiros de farda ao em vez de denegri-los.

    SD PM Alexandre (Instrutor Proerd) com muito orgulho

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de parabenizar o Proerd pelo maravilhoso trabalho feito pois mesmo com a notada falta de atenção dos políticos e governantes esse programa tem se tornado referência nacional no combate às drogas. Engana-se quem acha que o PROERD não é papel da polícia,afinal, se o papel é prevenção também gostaria que fosse citado outro modo melhor de prevenir do que a educação. Como prevenir é função da polícia e o PROERD age exatamente prevenindo de forma eficaz e na idade correta, ajudando na "vacinação" dos nossos filhos contra as drogas e a violência que se propagam a cada dia só temos que patabenizar a esses homens e mulheres que estão nas escolas, fazendo um trabalho que não está nos nossos olhos sempre mas que surte um efeito incrível... a melhor forma é perguntar a uma criança que foi aluno desses policiais. Infelizmente dentro da corporação existem pessoas que procuram lutar contra seus próprios irmãos, não entendendo que cada parte é importante por igual, sem mais ou menos importante mas sim IGUAIS, afinal uma criança em situação de risco que é alcançada pela prevenção deixa de ser um bandido e consequentemente fará de nossa vida um pouco mais tranquila. Pessoas com a mente cauterizada pelas perseguições ou pelo proprio serviço ostensivo tendem a achar que todos deveriam passar pelo mesmo sofrimento sem entender que o necessário não é fazer todos estarem no mesmo âmbito mas sim, todos contribuirem para a mudança efetiva da realidade. Passamos até hoje pelas agruras de uma vida onde se há um erro tentamos corrigir e estamos vendo o resultado dessa mentalidade corretiva. Olhe para o mundo Sr. Paulo Paulada, se apenas tiros, ostensividade e demais repressões resolvessem o iraque seria um paraíso... temos que agir com inteligência e a melhor forma de fazê-lo é educando e prevenindo, por isso a polícia exerce SIM o seu papel de PRESERVAÇÃO DA SEGURANÇA, não esperando pela educação ou demais instâncias do poder público mas contribuindo de forma exemplar com esse programa que já atendeu meus familiares e que só tem a somar com a sociedade. E acredito que o senhor Paulo Paulada também esteja enganado quando diz que "policiais que não querem estar nas ruas ficam cantando musiquinhas e se achando melhores que aqueles que estão "no batente". Ninguém nesse mundo é melhor que ninguém e se o senhor não soma forças com a sua própria corporação está realmente difícil entender qual o objetivo de vida de pessoas como você.

    FAmiliar de aluno atendido pelo PROERD, ...

    Só tenho a parabenizar pelo atendimento...um abraço

    ResponderExcluir
  4. Como PM só tenho a lamentar que o governo não dê a devida atenção a esse programa tão importante. Entrar na questão de não ser dever da polícia é conversa de quem não entende a legislação brasileira e tem a mentalidade totalmente deturpada pela própria cultura. Algo tão bom como o PROERD, que inclusive serve de modelo de prevenção às drogas em toda a américa latina poderia ter mais apoio do governo e dos próprios irmãos de farda, afinal estamos fazendo um trabalho que não é visto hoje, tirando dinheiro do próprio bolso pelo seu filho, ajudando a fazer da nossa cidade um mundo melhor e procurando fazer nossa parte para combater às drogas. Se a polícia não possui efetivo infelizmente é um problema administrtivo que não deve ser descontado em quem está trabalhando no PROERD. Os problemas da corporação começam pelos próprios policiais que insistem em lutar contra sua própria farda, reclamando de tudo ou achando que a vida dos outros é sempre melhor que a sua, afinal a grama do vizinho é sempre mais verde não é. Não há restrição para a entrada no PROERD, basta haver seleção e o camarada fazer e passar. Que o digam todos os que estão nessa unidade que não tinham um peixe sequer e entraram pelo esforço.
    Para finalizar quero parabenizar esses homens tão bravos que estão em todos os cantos de nossa região metropolitana e em mais 42 municípios do nosso estado fazendo um trabalho que só merece elogios e reconhecimento. Afinal não há como lutar contra resultados, contra fatos não há argumentos e contestar a visão preventiva que a PMRN vem adotando é querer contestar a si próprio afinal, somos TODOS IGUAIS. Já trabalhei em vários lugares na gloriosa e nunca me senti melhor do que ninguém, pelo contrário, sempre tenho a aprender, continuo achando a mesma coisa que sempre, o problema é nos que teimam em querer me fazer melhor do que eles próprios, NÃO SOU, somos irmãos de farda e iguais, se nos ajudarmos podemos fazer bem mais.

    Um abraço,

    Cephas Barreto,
    Instrutor PROERD,

    tentando ajudar o seu filho a ficar longe das drogas...

    cephasax@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. É Sr Paulo Paulada, como bem descreveu a função da PM é POLICIAMENTO OSTENSIVO E PREVENTIVO, então faça o seguinte para fundamentar melhor seu infeliz comentário: pesquise o sentido da palavra PREVENTIVO e faça um comparativo com o trabalho do PROERD, depois a gente se fala.

    ResponderExcluir
  6. PÉRFIDO: A PALAVRA PERFEITA PARA DEFINIR UM BLOGUEIRO POLÍCIAL MILITAR


    É impressionante como os policiais militares lidam bem com o inesperado. Transmitem segurança no caos e controlam os nervos diante do perigo. Todavia, quando o assunto é política, esses mesmos policiais tornam-se inocentes como crianças!

    Prova disso foi esse comentário esdrúxulo colocado nesse Blog que tem como moderador um Cb da PM, concorrendo a Presidente da Associação dos Cb e Sd da Pm, entidade que valoriza todos os Pms do Rn, independente de unidade que servem.

    Pergunto: Por que esse PM aprova um comentário mentiroso que diminui a imagem da PM que ele tanto ama? A quem interessa, de fato, informações sem nenhuma transparência?

    Esquecem os Policiais de araque que o PROERD é tema de interesse nacional, há muito ultrapassou as fronteiras policiais. Convido ao Blogueiro e ao Paulo Paulada para nos fazer uma visita e conhecer nosso trabalho. Acrescento ainda meu caro Blogueiro que leia seus comentários antes de aprovar, pois você poderá está dando um tiro no seu próprio pé. Obrigado meus irmãos POLICIAIS pela oportunidade.

    ResponderExcluir
  7. A internet é uma excelente forma de comunicação na atualidade, infelizmente alguns blogueiros/usuários não estão utilizando de maneira CONSTRUTIVA. O PROERD, programa desenvolvido pela polícia militar, exerce diariamente ações EDUCATIVAS de cunho PREVENTIVO, e muitas vezes de forma árdua e desafiadora. Como EDUCADORA, MÃE, MULHER, CIDADÃ gostaria de AGRADECER e RECONHECER o cuidado que os responsáveis pelo Programa no nosso Estado estão tendo com nossas crianças e jovens nessa incessante luta CONTRA AS DROGAS E A VIOLÊNCIA. Drogas e violência são dois grandes males desse século. EDUCAR também é sim um papel da nossa Polícia, afinal ela é OSTENSIVA, mas também PREVENTIVA, sendo essa última ação pautada na Educação.

    ResponderExcluir
  8. Olá nobre colega!! Acredito que vossa senhoria não conhece a realidade da minha cidade (Carnaúba dos Dantas), tendo assim pelo trabalho do PROERD ajudado a cidade em geral. Contribuindo de forma eficaz com ações de combate para diminuição da oferta e uso de drogas em portas de escolas e demais localidades. Sendo portanto muitas vezes ainda a única possibilidade de ajuda. Fazendo não só a "dancinha" como você chamou, mas também levando o conforto através da palavra e o abraço amigo aquelas causas provocadas pelo uso das drogas. Aos demais colegas, que estão fazendo a sua parte, congratulo a todos pelo exemplar serviço prestado ostensivamente, pois isso é um trabalho em conjunto de prevenção e repressão. E a quem só sabe reclamar e no fim não faz nada...

    Amado, meu nobre, minha potência nos faça uma visita e observe nosso trabalho de perto! Após isso, poderei até aceitar alguma crítica por sua pessoa!

    E para terminar, não tem como amar aquilo que não se conhece...

    Eu lhe perdoo.

    Um cheiro e um abraço para você!

    ResponderExcluir
  9. Venho por meio deste, discordar do Sr. Paulo Paulada (Que nem ao menos identifica-se, o quê desqualifica seu comentário). Faço parte desta Cia - CIPRED, mais precisamente como instrutor no Proerd, algo que para mim e toda minha família (esposa e filho) é motivo de orgulho, pois como Policial passei em diversas unidades operacionais, onde sempre executei a missão a contento, no Proerd não tem sido diferente cumpro com meus deveres. Atualmente, exerço três funções concomitantemente, como instrutor em sala de aula, também na coordenação dos Policiais do municipio de Natal(zona leste), e ainda colaboro com a equipe de capacitação para instrutores. Tudo isso faço não para demonstrar que sou mais do que alguém, mas por que entendo que esta é uma missão nobre e valorosa, pois ao levarmos as crianças e adolescentes a mensagem da PREVENÇÃO de uma maneira lúdica, estamos colaborando como educadores sociais para a formação de cidadãos mais conscientes de seu papel, cientes dos malefícios e dos riscos provenientes do envolvimento com as drogas e a violência.
    Espero que após este breve relato o cidadão que teve a brilhante idéia de nos provocar (abrindo assim uma janela de oportunidade para divulgarmos cada vez mais este brilhante programa) possa fazer uma reflexão utilizando os novos conhecimentos sobre o Proerd aqui relatados nos comentários, pois tenho certeza absoluta que ele não os tinha, para realizar segundo Vigotsky uma experiência pessoalmente significativa proveniente das relaçoes sociais, ou seja, que ele verdadeiramente possa aprender ao invés de reproduzir comentários infundados e hipócritas.
    Só para encerrar quero dizer que deposito plena confiança na coordenação estadual do Proerd no comando da CIPRED, no comando da PM,e na governadora Rosalba que tenho certeza será bastante sensível ao apelo da sociedade, por mais prevenção. Pois quem gasta com prevenção economiza numa escala de 1 para 5, enquanto é necessário 1 real para manter um policial na prevenção as drogas, na sua ausência será necessário gastar 5 reais para tentar através da prevenção combater o tráfico.

    ResponderExcluir
  10. Esse Paulo paulada.Ele mesmo falou em preventivo... e proerd é o q seu monstro. Bisonho.

    ResponderExcluir
  11. Venho por meio deste, discordar do Sr. Paulo Paulada (Que nem ao menos identifica-se, o quê desqualifica seu comentário). Faço parte desta Cia - CIPRED, mais precisamente como instrutor no Proerd, algo que para mim e toda minha família (esposa e filho) é motivo de orgulho, pois como Policial passei em diversas unidades operacionais, onde sempre executei a missão a contento, no Proerd não tem sido diferente cumpro com meus deveres. Atualmente, exerço três funções concomitantemente, como instrutor em sala de aula, também na coordenação dos Policiais do municipio de Natal(zona leste), e ainda colaboro com a equipe de capacitação para instrutores. Tudo isso faço não para demonstrar que sou mais do que alguém, mas por que entendo que esta é uma missão nobre e valorosa, pois ao levarmos as crianças e adolescentes a mensagem da PREVENÇÃO de uma maneira lúdica, estamos colaborando como educadores sociais para a formação de cidadãos mais conscientes de seu papel na sociedade organizada, cientes dos malefícios e dos riscos provenientes do envolvimento com as drogas e a violência.
    Espero que após este breve relato o cidadão que teve a "brilhante idéia" de nos provocar (abrindo assim uma janela de oportunidade para divulgarmos cada vez mais este brilhante programa) possa fazer uma reflexão utilizando os novos conhecimentos sobre o Proerd aqui relatados nos comentários, (pois tenho certeza absoluta que ele não os tinha) para realizar segundo Vigotsky uma experiência pessoalmente significativa proveniente das relaçoes sociais provocadas através da mídia informatizada, ou seja, que ele verdadeiramente possa aprender ao invés de reproduzir comentários infundados e hipócritas.
    Só para encerrar quero dizer que deposito plena confiança na coordenação estadual do Proerd - Cel. Margarida no comando da CIPRED, no comando da PM,e na governadora Rosalba que tenho certeza será bastante sensível ao apelo da sociedade, por mais prevenção. Pois quem gasta com prevenção economiza numa escala de 1 para 5, enquanto é necessário 1 real para manter um policial na prevenção as drogas, na sua ausência será necessário gastar 5 reais para tentar através da prevenção combater o tráfico.

    ResponderExcluir
  12. Bem, diante dos vários comentários que surgiram nessa matéria, gostaria também de publicar algo a respeito do Proerd. Tenho dois filhos que tiveram a oportunidade de fazer este MARAVILHOSO PROGRAMA, é assim que defino o Proerd, pois, os ensinamentos repassados pelo Policial aos meus filhos estão sendo de grande valia e de fundamental importância para o crescimento deles quanto cidadãos de bens. O Proerd demonstra realmente o trabalho valioso que a Policia Militar presta a nossa sociedade potiguar. Gostaria muito que, todos tivessem a oportunidade de um dia seus filhos estudarem com os policiais do Proerd, verdadeiros anjos na vida de nossos filhos e de toda a nossa família. Parabenizo a todos os policiais que fazem esse fantástico programa. O RN está de parabéns por termos um programa de qualidade, eficaz e tão bem aceito pela sociedade como é o Proerd. Att: Marcelo de Faria

    ResponderExcluir
  13. É profundamente lamentável saber que existem pessoas que ainda não conheçam os relevantes trabalhos prestados pelo Proerd para a sociedade potiguar, pois se prestam a postar críticas difamatórias ao referido programa demonstrando o total desconhecimento da sua real finalidade. O Proerd do Rio Grande do Norte é referência nacional no trabalho de prevenção ao uso de drogas e a violência, sendo reconhecido pelo DARE internacional e pelo Congresso Nacional, em nível de Brasil. Pessoas que ainda têm esse pensamento deveriam sentir orgulho da Policia Militar do Rio Grande do Norte e somar esforços. É necessário ter atitude e fazer a diferença, lembrando que a PREVENÇÃO também é papel da Policia Militar, e essa é uma necessidade da atual conjectura pela qual passa a nossa sociedade. Devemos lutar todos juntos, somando esforços: professores, diretores e demais profissionais para que tenhamos uma sociedade mais igualitária e de paz para nossas crianças e adolescentes, pois cuidar hoje é pensar no amanhã.
    Atenciosamente: Júlio de Mesquita

    ResponderExcluir
  14. É profundamente lamentável saber que existem pessoas que ainda não conheçam os relevantes trabalhos prestados pelo Proerd para a sociedade potiguar, pois se prestam a postar críticas difamatórias ao referido programa demonstrando o total desconhecimento da sua real finalidade. O Proerd do Rio Grande do Norte é referência nacional no trabalho de prevenção ao uso de drogas e a violência, sendo reconhecido pelo DARE internacional e pelo Congresso Nacional, em nível de Brasil. Pessoas que ainda têm esse pensamento deveriam sentir orgulho da Policia Militar do Rio Grande do Norte e somar esforços. É necessário ter atitude e fazer a diferença, lembrando que a PREVENÇÃO também é papel da Policia Militar, e essa é uma necessidade da atual conjectura pela qual passa a nossa sociedade. Devemos lutar todos juntos, somando esforços: professores, diretores e demais profissionais para que tenhamos uma sociedade mais igualitária e de paz para nossas crianças e adolescentes, pois cuidar hoje é pensar no amanhã.
    Atenciosamente: Júlio de Mesquita

    ResponderExcluir
  15. Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência): o maior programa de prevenção ao uso de drogas do mundo. Aqui a teoria é colocada em prática.
    O valor desse Programa para as polícias militares e para a sociedade é inestimável por vários motivos. A maioria das ocorrências tem origem nas drogas e o Proerd vem para evitar que as crianças, público-alvo dos traficantes, entrem nesse caminho que na maioria dos casos não tem retorno. Imagine como seria o trabalho policial se tivéssemos total apoio das comunidades para realizarmos um serviço mais eficiente e eficaz. Pensou? Esse elo é fortemente realizado pelo Proerd. Em sala de aula além do curso sobre as drogas e sobre a violência também valorizamos toda a Polícia Militar do RN. Buscamos mostrar que a PM é uma instituição que colabora para o bem de toda a sociedade e assim conquistamos mais amigos.
    Os adultos de amanhã são as crianças de hoje e o futuro de nossa nação é fortemente influenciado pelo que fazemos, ou deixamos de fazer, por elas. Prevenir é melhor que recuperar.

    FÁBIO CABRAL
    (Instrutor Proerd)

    ResponderExcluir
  16. Esse comentário pobre sobre Proerd só poderia ter vindo de uma pessoa sem noção. Mas mesmo assim gostaria de convidar o senhor Paulo paulada para assistir uma aula minha e conhecer mais o nosso trabalho. Vamos valorizar a nossa policia CB Heronides.

    ResponderExcluir
  17. Caro Paulo Paulada, ao lê sua postagem pude observar que tens um nome bem original e com certeza é oriundo de como você se comporta dentro de sua vida profissional. Será que a solução para amenizar os conflito sociais seria através da paulada??? Pois bem meu caro, quando o profissional trabalha com a prevenção ele contribui para que aquela determinada criança (aluno PROERD)não seja um futuro meliante. Meu caro viva a cada dia na sua plenitude, os problemas de ontem estão escritos na areia, varridos fora da existência pela própria mão de Deus. Cada profissional da segurança publica tem sua importância e valor dentro da instituição Policial Militar. Pessoas como você tem tendência de ver coisas e dizer coisas sobre aquilo que não conhece. Venha nos visitar você será bem vindo, teremos o maior prazer de te mostrar o que fazemos e para que viemos. Quem sabe essa sua concepção equivocada sobre o Programa PROERD mude e você possa refletir. A resposta para nossa valorização como Educadores Sociais e assim que somos conhecidos, vem da sociedade e dos nossos alunos, e não de pessoas como você, que com certeza e daqueles que diz: "são trinta anos de serviço ai depois vou embora". O caráter é como uma árvore e a reputação como sua sombra. A sombra é o que nós pensamos dela; a árvore é a coisa real, e somos essa ávore que colhe bons frutos que é vê nossas crianças longe das Drogas.

    Abraham Lincoln

    ResponderExcluir
  18. Caro Paulo, é bem visto que o senhor fala de um assunto que é de seu completo desconhecimento, pois se se conhecesse o real trabalho dos policiais da CIPRED saberia que a ostencividade e a prevenção fazem parte do cotidiano destes policiais. o PROERD está em áreas de risco adentrando em escolas, focalizando onde a droga está iserida e agindo de forma preventiva no combate às drogas e a violencia. Como dizer que os policiais estão numa zona de conforto fora das ruas? É muito triste ver que profissionais da mesma área estão se engalfinhando, perdendo tempo agredindo colegas entre si, onde deveria estar apoiando e elogiando seus colegas afim de buscar melhorias salariais, e não denegrir sua própria imagem ferindo de forma contundente sua própria imágem. Se o senhor quiser acompanhar o dia a dia de um profissional do PROERD vai perceber que ele tem um trabalho exaustivo, então por favor, procure antes conhecer e ponderar suas palavras.

    ResponderExcluir
  19. Pois bem, nem sei por onde começar a minha réplica ao comprovado infeliz e absurdo comentário do senhor "PAULADA", mas vamos lá! Olha só caro cidadão, que não se comportou como tal, enquanto Policial Militar, Sociólogo, Especialista em um trabalho de PREVENÇÃO (Trabalho fim e Constituicional da PM)e também Especializando em Intervenção na área da Exploração sexual contra crianças e adolescentes e ex-diretor de uma Internação Provisória para Adolescentes em Conflito com a Lei, quero pedir para o seu próprio bem,de seus filhos e sociedade, mude sua forma "PAULADA" de pensar, pois vc é parte integrante desta família PROERD, pois o PROERD não existe sem a Polícia. Não sei bem o que fazes da vida na hora do trabalho e fora dela, mas podemos lhe dizer uma coisa, a Prevenção é a chave para muito problemas que acredito que vc nem sonha passar. Trabalhamos fardados, dançando sim como vc bem quiz denegrir, mas somos felizes no que fazemos, as crianças sorriem quando nos vêem, elas não olham para nós com temor, pois sabem que encontram orientações que nem mesmo os pais passam. Os comentários postados mostram a importância do PROERD e como as pessoas defendem-no, sabe por quê? Vou lhe dizer! O mapa da violência no Brasil divulgado pelo Ministério da Justiça, a partir de um levantamento feito pelo Instituto Sangari, revelou que a taxa de homicídios entre os jovens de 15 a 24 anos cresceu de 30 para 52,9 por 100 mil habitantes entre 1980 e 2008.
    Segundo o coordenador do estudo, o sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, há 30 anos, a população jovem e não-jovem morria “praticamente da mesma forma”, ou seja, a proporção de mortes violentas e naturais era quase igual. Mas, a partir da década de 1980, ocorreu o que ele chamou de “novo padrão de mortalidade juvenil”, com aumento nas mortes por homicídios, suicídios e pasme, caso consiga, a maior parte destas mortes, por não dizer sua totalidade está liga às Drogas. O que o senhor tem feito para reduzir esta estatística Sr. "PAULADA"? Saiba que na "PAULADA" os problemas ricocheteiam SOCIALMENTE e recairão sobre ti, sobre sua prole (filhos) e sobre todos nós! As nossas posturas é que modificam ou podem modificar o cenário de tamanha violência, falta de amor e descredibilidade, por tanto, como orientação, se assim posso fazer, nos ajude neste combate, pois não somos o que vc pensa, tiramos serviço de CARNATAL, CARNAVAL, ELEIÇÕES, vestimos o fino e o cinza tb, já tivemos policiais recebidos a bala em muitas comunidades onde a polícia não é bem vinda (SABE O MOTIVO? DESTRUIMOS A BASE DO TRÁFICO QUE É A AÇÃO DOS TRAFICANTES QUE ALICIAM CRIANÇAS), mostramos a cara e em muitos espaços, vamos até desarmados, participamos de todas as operações solicitadas pelo MP, como houve recetemente operações deflagradas e que participamos de buscas e apreensões em todo o estado, saindo pela madrugada sem hora para retornar e com nossos comandantes na frente. Nossa sede emprestada, sem ar condicionados e birôs, é no CAIC LAGOA NOVA, lá nos reunimos direto para traçar nossas ações que aglomeram geralmente 15.000 crianças por semestre, precisamos sempre de ajuda, esperamos por vc nesta linha de frente, não se porte mais desta forma, pois estás fazendo o caminho inverso ao da Instituição, que tem nossos trabalhos respaldados pela Governadora, nosso Comandante Geral, Secretário de Defesa Social, secretaria de educação e mais do que tudo, as famílias compostas pelos pais e professores. PROERD é Policia, Escola e Família! Venha fazer parte desta família. Use estes espaços (BLOGS) para o bem, não para práticas desta natureza! Até!

    José Roberto Macedo de Negreiros
    Pai de três filhos e Instrutor PROERD

    ResponderExcluir
  20. Recebi uma ligação me perguntando se eu era o "Paulo PAulada" quero deixar claro que sempre que comentei algo no Blog fiz com seriedade e utilizei meu nome inclusive com foto, para não restar dúvidas essa pessoa não sou eu

    Paulo Silva de Medeiros
    2º Sgt PM

    ResponderExcluir
  21. Bom Dia amigos, não ia me dar ao trabalho de comentar uma página já vencida, mas como devo ter causado um certo mal estar, que na verdade não intencionei causar.

    Em primeiro lugar, para o sr cap Bosco, gostaria de dizer-lhe que se tem uma coisa que admiro neste espaço é a possibilidade de exercer minha opnião como cidadão e mesmo quando comento algo crítico em relação ao sr Heronides, tenho que ser justo e dizer que o mesmo até o presente momento tem sido extremamente democrático na publicação desses comentários, mesmo sendo , algumas vezes adverso a sua pessoa.

    Em Segundo lugar, pelo que percebi algumas pessoas que se dizem adeptos da democracia, não aceitam pontos de vista diferentes.

    O autoritarismo e o preconceito de alguns chega a ser evidenciado, fazendo assim cair agumas máscaras.

    Em momento algum ofendi o PROERD ou denegri a imagem de alguém, só explanei meu ponto de vista sobre o uso de Policiais Militares em funções que, ao meu ver, e olha que conversei com algums colegas de profissão a respeito e qque estão fora deste ciclo, isentando-se assim de paixões e tendencionismos, que em sua maioria esmagadora tem a mesma opnião que eu.

    Digo ainda para alguns que me parecem serem SUPERPREPARADOS , e que na verdade nem precisariam se dar ao trabalho de pedir ao sr Heronides para me censurar, que enviam seus "curriculuns" "arrotando" seus conhecimentos para nós simples mortais, que aceitem a opnião contrária já que pregam tanto uma tal de democracia.

    A idéia não é má, a intenção não é má, mas aquém de ser O MELHOR PROJETO DO MUNDO na prevenção ás drogas, a realidade das ruas e o índice de novos drogados dizem algo em sentido contrário.

    Ah e só para constar: Paulo Paulada não quer dizer nada, a paulada é simbólica, não se julga alguém por causa de um pseudônimo.

    E para a Sra Márcia, quando disse PREVENTIVO, foi em sentido estrito e não em sentido amplo, então é perfeitamente cabivel no contexto!!

    Um Abraço á todos, principalmente ao sr Heronides que permite a divulgação de pensamentos divergentes!!

    ResponderExcluir
  22. Opiniões divergentes meu caro, devem ser expressas sim só que uma opinião que diverge da legislação em vigor é algo no mínimo também digno de críticas à altura.

    Opinião divergente não é exposta contra a sua própria corporação em meio de comunicação aberto, afinal, não lhe vi nenhuma vez entrando na sede da CIPRED para perguntar em que podíamos melhorar ou procurar dar sua contribuição com a atuação preventiva dessa companhia. Sobre o aumento no número de usuários discordo de você, afinal o PROERD atua numa faixa etária expecífica(devido à falta de apoio citada no vídeo) e nesa faixa etária os índices existentes apontam realidades completamente diferentes. Se o trabalho for continuado garanto que até outras faixas etárias seriam atingidas e sua opinião poderia ser diferente. Infelizmente há pessoas que só se colocam a atirar pedras, até contra os seus, afinal, uma opinião diferente não trata os que são da mesma instituição e tentam contribuir para que seus filhos estejam longe das drogas como gente que não faz o seu trabalho(inprodutivos, no mínimo).

    Isso não é uma crítica meu caro, é uma OFENSA! Afinal para ofender alguém honesto e trabalhador não é preciso chamá-lo de ladrão, basta perguntá-lo onde está o dinheiro que estava na mesa não é mesmo.

    Com certeza me sinto ofendido pelo seu comentário, pois talvez já tenha atendido seu filho na escola e garanto a você,fiz o meu melhor e dei minha contribuição sim e em acordo com o que diz a lei do nosso país fiz a minha função de policial militar.

    Portanto, reitero o convite ignorado...

    Vá a nossa sede...

    acompanhe o nosso trabalho...

    Ajude com o dinheiro que tiramos do bolso pelos seus filhos a cada semestre...mas não nos ofenda...

    afinal...somos seus "irmãos de farda" ...

    estamos la no caic...se preferir...

    procure um aluno do PROERD e pergunte a ele o que ele acha da polícia e das drogas agora...

    ahhh...a prevenção é trabalho de longo prazo(no mínimo 20 anos contínuos...) e não dará frutos evidentes aos olhos antes disso.

    Cephas Barreto
    Instrutor do Proerd.

    cephasax@hotmail.com

    ResponderExcluir
  23. Amigos do PROERD

    Sou um defensor do trabalho de vocês, uma prova disso é que trabalhei para que toda CIPRED viesse para Macaíba, mas infelizmente não tive êxito.

    Informo que o comentário do Paulo Paulada não reflete o meu pensamento.

    Mas como defensor da manifestação do pensamento, divulguei a opinião do mesmo, pois acima de tudo eu respeito a opinião de todos, mesmo quando não compartilhe dos ideais.

    Pra vocês terem uma ideia, eu aprovo até os comentários que denigrem a minha pessoa.

    PODEM CONTAR COM O MEU APOIO PARA O QUE FOR PRECISO!

    ResponderExcluir
  24. TRAGO A POSTAGEM, APENAS PARA ANÁLISE DO DISCURSO, POSTERIORES CONCLUSÕES E PONTO FINAL NO ASSUNTO:

    ==> Por Paulo Paulada: "Amigos esse PROERD tem um bom fundamento, mas na verdade só serve mais uma vez para desviar os policiais de suas verdadeiras funções.

    A função da PM é POLICIAMENTO OSTENSIVO E PREVENTIVO, essa função deveria ser exercida por educadores da Secretaria de Educação, aí uns policiais que não querem estar nas ruas ficam cantando musiquinhas e se achando melhores que aqueles que estão "no batente", e ainda dizem que está faltando efetivo.

    Venham ás ruas PROERD, depois de alguma experiência , aí quem sabe voces possam contribuir com alguma palestra mostrando o ponto de vista de quem trabalha fazendo o serviço pesado" <==

    VENHAMOS E CONVENHAMOS QUE TAL POSTAGEM TRATA-SE DE UMA OPINIÃO TENDENCIOSA E ACIMA DE TUDO OFENSIVA, DIVERGINDO DA TRÉPLICA DO AUTOR E DO CONTEÚDO POSTADO E REPOSTO LOGO ACIMA. O Sr. PAULO REPORTA A OPINIÕES DE TERCEIROS PARA VALIDAR A SUA, É ALGO QUE NÃO DÁ MESMO PARA FAZER POR MEIO DESTAS FERRAMENTAS QUE PERMITEM PESSOAS SE UTILIZAREM DO ANÔNIMATO, NA DESCULPA DE UMA FALSA DEMOCRACIA, ALGO MUITO DISCUTÍVEL NO BRASIL.

    AO SENHOR PAULO, ERA DE SE ESPERAR AS OPINIÕES POSTADAS,CONCORDE COMIGO, TODAS SAINDO EM DEFESA, TUDO PELA AGRESSIVIDADE DA SUA POSTAGEM, QUE MESMO NUM ESPAÇO DEMOCRÁTICO, FOI DE ENCONTRO A MUITOS IDEAIS E PRÁTICAS DE VIDA E TRABALHOS, NUMA CONHECIDA PRÁTICA EM QUERER SIM DENEGRIR OS PROFISSIONAIS DA CIPRED (Leozinhos e por ai vai.....isso já sofremos todos os dias). NA TRÉPLICA PODEMOS PERCEBER UM TOM AGRESSIVO, QUE PODERIA SER EVITADO A QUALQUER TEMPO, MESMO SENDO ALGO QUE REFLITA A "esmagadora opinião de pessoas que pensam como o Senhor".

    AQUI NÃO SE DISCUTE QUEM É OU DEIXAR DE SER MELHOR DO QUE NINGUÉM, QUEM É MAIS OU MENOS POLICIAL (TODOS CALÇAM 40 E VESTEM CINZA E AZUL), QUEM É OU NÃO SUPER-PREPARADO, POIS NA HORA DO APERTO QUALQUER UM GRITA "Ai meu Deus!" E BUSCA SE RESGUARDAR DO QUE VEM DO OUTRO LADO, SOMOS MEROS MORTAIS SIM, CONCORDO, MAS SE NESTE MUNDÃO DE DEUS NOS CALARMOS DIANTE DE ATITUDES COMO ESTA, SEREMOS ENGOLIDOS E "ARROTADOS" PELA ARROGÂNCIA E PREPOTÊNCIA DE MUITOS QUE TRABALHAM PARA SUPRIMIR OUTROS....ISSO É UMA PRAXE NO SERVIÇO PÚBLICO E NA POLICIA NÃO SERIA DIFERENTE.

    ENCERRO COM PESAR ESTA DISCUSSÃO QUE PODERIA TER TIDO UM OUTRO COMEÇO, UM OUTRO DESENROLAR E UM OUTRO FIM, ME COLOCANDO A DISPOSIÇÃO PARA RECEBÊ-LO EM NOSSA COMPANHIA E TENTAR UM DIÁLOGO SALUTAR E LONGE DESTAS OPINIÕES.

    PERMITA-ME DISCORDAR DE MAIS UMA COISA, O PROERD É SIM O MELHOR PROGRAMA, NÃO PROJETO, DE PREVENÇÃO ÀS DROGAS DO MUNDO, SE EXISTIR OUTRO É SÓ APRESENTAR!

    Att,

    ResponderExcluir
  25. Só digo uma coisa: Pergunte para uma criança atendida pelo programa e aos seus pais o que pensam do PROERD e o que aprenderam com ele e você vai se perguntar a razão de suas críticas, ou como queira, opiniões divergentes...

    Sd Makel - Instrutor PROERD

    ResponderExcluir