JUIZ REVELA MOTIVO DA TRANSFERÊNCIA DOS PMs PRESOS EM NATAL PARA O INTERIOR

juiz Henrique Baltazar Villar dos Santos
O juiz Henrique Baltazar Villar dos Santos, de Natal, explicou porque o comandante geral da PM, coronel Araújo, está transferindo os PMs presos no Bope, da Zona norte de Natal, para batalhões de Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros.

Segundo Baltazar, o Ministério Público Estadual descobriu que o BOPE da Zona Norte, de Natal, não reunia a menor condição de manter os PMs presos.

Conforme o magistrado, o Ministério Público Estadual descobriu que PMs não estavam realmente presos. PMs perigosos poderiam até sair e dá umas voltas pela cidade do sol.

Diante do quadro, foi a promotoria que recomendou o comando geral da PM adotar as providências necessárias. O correto seria construir uma cadeia pública específica.

“Solução provisória encontrada após reunião com juiz, Promotoria e VEP: transferir para quartéis do interior, onde segurança é maior”, explica o juiz Henrique Baltazar via Twitter.

Baltazar também disse que não houve interferência política e que existe um projeto para construir uma cadeia pública para servidores, mas que isto vai demorar.

RN têm 40 PMs presos por crimes variados. Os mais graves, são os acusados de homicídio, como o caso do PM que matou o casal Daiff e Sanelle, de Martins.

Sobre a transferência ser legal ou não Baltazar escreveu: “Não existe direito constitucional de preso ficar perto da família. Segurança do cidadão é mais importante. Vide Beira-Mar”.

RETRATO DO OESTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário