GUARDA PATRIMONIAL É ESPANCADO E TEM A ARMA ROUBADA POR ASSALTANTE

O policial da guarda patrimonial João Freire de Araújo, de 53, foi vítima de espancamento seguido de roubo, na madrugada desta quarta-feira (5), na rua Mossoró, Zona Leste de Natal. De acordo com o tenente Gonçalves, do 1º Batalhão da Polícia Militar, a vítima estava trabalhando no local quando foi surpreendida covardemente por um homem ainda não identificado.

O guarda patrimonial foi atingido por vários golpes de cacetete na cabeça e no rosto. “Ele estava bastante ferido e sangrava muito na cabeça, mas credito que ele não corre risco de morte, apesar da gravidade”, disse um outro PM que não quis ser identificado.

Logo depois de bater no guarda e deixá-lo no chão, o assaltante levou a arma da vítima, um revólver calibre 38 municiado. A polícia foi acionada, realizou diligências, mas o autor do crime conseguiu escapar.

João Freire é morador do Pajuçara, na Zona Norte, e largaria o serviço na manhã de hoje. De acordo com o Serviço Social do Hospital Walfredo Gurgel, João passou por cirurgias, mas se recupera bem.

PORTAL BO

12 comentários:

  1. POIS É... AINDA APARECE UM CAPETÃO ENROLANDO O REPORTER...... DIZENDO QUE VAO REFORMAR OS PREDIOS.... MEU AMIGO FOI UM PRAÇA QUE FOI ESPANCADO, O QUE A COORPORAÇÃO VAI FAZER???? DAR ASSISTENCIA?? MELHORAR AS CONDIÇOES DE TRABALHO???? ISSO QUE ESSE CAPITAO ERA PRA ESTA PREOCUPADO E NÃO COM REFORMA DE PREDIO.... VERGONHA, ESSE OMI NUM ERA NEM PRA SER ALUNO SOLDADO.....

    ResponderExcluir
  2. AR MARIA!!!NA PM TA TUDO AS AVERSAS!!!! TEM UNS OFICIAIS E GRADUADOS QUE JA ERAM PRA TER SIDO APOSENTADOS, POVO FRACO!!!! NUM ASSUMEM RESPONSABILIDADES... É UM ESPANTALHO DE FARDA, SO SERVE PRA ESPANTAR MENINO RUIM......acho que deve ate pagar bem por cada vão......

    ResponderExcluir
  3. MILICIANO zona norte6 de outubro de 2011 07:50

    Relaxem pois esse so vai ter sorte ate ser descoberto,na PM RN ainda ha homens que sela pela integridade e justiça social,fique em paz companheiro depois de 30 anos isso nao vai ficar assim,e aos demais cuidados andem certos pois estamos as sombras da noites ai cobrando justiça e seriedades,um abraços a todos os companheiros que com honra faz seu trabalho com dignidade e amor vamos lutar para termos valor

    ResponderExcluir
  4. É cada um por si mesmo. Essa é a regra. A Polícia Militar é falida em todos os sentidos. Cadê os responsáveis para descobrir e punir o indivíduo que cometeu tal crime contra esse PM da Reserva Remunerada? Não vai encontrar. Sabe por que? Cada um só está preocupado consigo próprio, e o resto que se exploda. Eis a verdade. Outra verdade é que ninguém quer ter compromisso com coisas que realmente importa para melhoria dentro da Instituição. Cadê os Direitos Humanos para o PM? Cadê os defensores da categoria? Não existe, e se existir será apenas uma "muganga" que não terá efeito satisfatório. Por que os comandantes não procuram organizar a desorganização que toma de conta da Polícia Militar, que por sinal é desde de outrora? O que realmente importa aqui é "status" e permanência dos privilégios como gratificações, pois os fins justificam os meios, o resto é resto!

    ResponderExcluir
  5. Um exemplo bem prático disso são esse soldados com 15 20 anos de serviço.

    ResponderExcluir
  6. POLICIAIS: "Somos os indesejáveis, chefiados pelos incompetentes, fazendo o indispensável, a favor dos ingratos."

    ResponderExcluir
  7. Agora eu pergunto se o pm citado tivesse um salário digno ele tava trabalhando aida depois de 30 anos de serviço? não senhores! eu pergunto também qual das outras classes de trabalhadores do estado trabalham depois que se aposentam.
    Alguém sai ganhando com isso pagando esmola para um policial militar trabalhar, só não sei se é o estado ou a população
    Senhores Deputados vamos mostrar trabalho cobrando do governo melhorias para a segurança pública façam jus aos VOTOS que os elegeram.

    ResponderExcluir
  8. Não foi o primeiro que foi agredido dessa forma nos últimos meses! Há cerca de 3 meses atrás um PM da Reserva Remunerada saía do serviço de Guarda Patrimônial na Ribeira quando foi agredido por um VAGABUNDO (pode ser que tenha sido o mesmo) com uma pedrada na cabeça, foi conduzido ao Walfredo bem machucado por 1 viatura do 1ºBPM e em seguida ficou internado sem idemdificação por bastante tempo,... isso é o que acontece com quem vai pra Reserva hoje em dia! É esquecido pela corporação e se submete a esse tipo de trabalho, sem apoio e sem estrutura, será que é do interesse de alguém investigar esse tipo de caso?

    ResponderExcluir
  9. Hum,hum!E ainda teve um certo oficial comandante de Batalhão do Interior que disse que o bandido respeita a PM. Ai, ai. Em que mundinho esse camarada vive,heim?!

    ResponderExcluir
  10. Absurdo senhores, até quando, até quando?

    ResponderExcluir
  11. Vou pedir a deus DEUS,dias melhores para nossa gloriosa,para que ao final dos meus 30 anos de serviço(se ele permitir),não tenha que ainda vestir farda,para dar um pouco mais de conforto a minha familia,e ser vítima de marginais!

    ResponderExcluir
  12. Garças a Deus que não aconteceu uma tragedia maior. Quando esta Guarda foi criada o PM trabalhava no minino em dupla e 24h por 72h ou mais e era 3/4 do salario do PM da ativa, hoje é 24h por 48h é a metade do soldo e um PM para tomar conta de um predio ou "Secretária" sozinho. Este cmt.Geralzinho não esta nem ai para quem ja deu mais de 30 anos de serviço para população Norte Riograndense e com as condiçoes muitissimo mais precarias do que as nossas atualmente.

    ResponderExcluir