CAPITÃO NILO AGUARDA SER CONVOCADO PARA ASSUMIR A VAGA DE CHAGAS CATARINO NA CÂMARA MUNICIPAL DE NATAL

A Polícia Militar vive a expectativa de passar a contar com mais um representante na Câmara Municipal de Natal.

Trata-se do Capitão Nilo Henrique(PP).

Capitão Nilo aguarda ser convocado pela presidência da Câmara para assumir a vaga do vereador Chagas Catarino, que se recupera de um grave acidente e deve se licenciar por, no mínimo, 60 dias.

Capitão Nilo é o terceiro suplente da coligação que elegeu Chagas Catarino no pleito de 2008. Coligação era formada pelo PP/PMN/PTB.

O primeiro suplente da coligação é Ubaldo Fernandes. Só que Ubaldo trocou o PP pelo PMDB.

O segundo suplente é Haroldo Alves, que também mudou de partido. Ele trocou o PP pelo PSDB.

O beneficiado será o Capitão Nilo, que continua no PP.

“Estou aguardando ser convocado pelo presidente da Câmara, Edivan Martins, para assumir o lugar de Chagas Catarino enquanto durar sua licença”, disse Capitão Nilo em contato com o blog.

A PM é representada hoje na Câmara pela vereadora Sargento Regina(PDT).

Um comentário:

  1. Não sei até que ponto estou certo, mas o que sei sobre militar elegível, a Constituição é bem clara quando diz que o militar, no caso do cap Nilo, ao ser empossado em cargo eletivo será transferido ex-ofício para a reserva remunerada, sendo a remuneração proporcional ao tempo de serviço, ou seja, a decisão cabe ao Cap Nilo se vale a pena passar dois meses como vereador e depois disso ter sua condição de policial militar da reserva remunerada, interropendo as demais promoções. Não vejo vantagem neste caso, aí voces me perguntam e se o Cap Nilo pedir a chamada licença para tratar de assunto de interesse particular? explico que esta situação não significa dizer que ele não seja da ativa, o que diz a norma é que essa licença é não remunerada, ou seja, terá que ser transferido para a reserva remunerada. Com a decisão o Cap Nilo.

    ResponderExcluir