SERVIÇO SEM REFEIÇÃO

Um importante Batalhão Policial Militar da cidade de Natal não está oferecendo refeições aos policias de serviço.

Os policias que trabalham no turno diurno, das 07:00 às 20:00 horas, recebem 1 vale refeição, que serve para ser utilizado no almoço.

Já os policiais que trabalham no turno noturno, das 20:00 às 07:00 horas, não recebem nenhum vale refeição, ficando deste modo 11 horas em jejum. Seria uma pratica do ramadã?

Mas esta não é a pior situação, pois os policiais que trabalham 24 horas consecutivas recebem apenas 1 vale refeição, ou seja, eles deverão escolher entre o café da manhã, o almoço e o jantar.

Os policiais informam que tal situação está ocorrendo devido à diminuição da quantidade de vales refeições enviadas ao Batalhão.

Mesmo que esteja ocorrendo à diminuição da quantidade de vales refeições, o Batalhão deve encontrar outra solução para que o policial não fique sem refeição. Pois tal situação ocasionará outras que prejudicará o serviço policial.

Desta forma a maior prejudicada será a sociedade, que terá uma diminuição drástica na qualidade do serviço de segurança pública.

Escrito por Cabo Heronides

16 comentários:

  1. Será que nesse BPM o CMT é o mesmo que há pouco tempo atrás foi flagrado em um restaurante pagando as refeições de vários familiares com 1 talão de Vales e ao ser questionado inventou uma cirurgia? Se não for foi formado com ele! Temos que denunciar, levar a público! A PM é notícia nos jornais desde que me intendo de gente, seja pela lavação, seja pela corrupção, seja por qualquer tipo de crime! Temos que apresentar a sociedade nossos problemas, falta de alimentação, condições miseráveis de trabalho, tratamento desumano, etc. Embora os meios de comunicação sejam voltados à elite, temos a internet e nossas famílias podem ser portadores da informação sobre os maus tratos que recebemos, ñ desistamos de falar! NOSSA VOZ NÃO PODE CALAR! Os bons são maioria, isso tem que ser mostrado a sociedade!

    ResponderExcluir
  2. Boa Notícia! Fico feliz em saber que existe algum tipo de refeição para nossos companheiros ainda, quem sabe daqui uns tempos eu também estarei recebendo pelo menos uma rapadura do Estado, estando de serviço.

    ResponderExcluir
  3. se for verdade, É uma vergonha mesmo!!!

    ResponderExcluir
  4. Na verdade vejo uma falta de controle na fiscalização dos vales no QCG, não nas unidades pois vejo até uma organização, mas no comando geral onde niguem vê, são várias as denuncias que tem oficial e praças graduados almoçando final de semana com família com os vales...

    ResponderExcluir
  5. POIS É ALGUNS BPM TRABALHAM COM UMA ESCALA DIZENDO DIA,LOCAL E HORARIO ONDE FAZER AS REFEIÇOES..... o PIOR É QUE A REFEIÇÃO EH FEITA NA LAVAÇÃO COMENDO EM CASAS E BARES DA COMUNIDADE.... ENQUANTO ISSO AINDA QUEREM QUE A PM SEJA LEVADA A SERIO.....VAMOS ACIONAR O MPF.... CADEIA

    ResponderExcluir
  6. na rocam o horario agora é das 13 ate 23 por que é so um vale, nao existe mais rocam pela manha em natal.

    ResponderExcluir
  7. quando vai chegar ao interior pelo o mesmo UM VALE ?

    OS PM`S DA CAPITAL ESTÃO COM SORTE E NOS AQUI QUE NÃO TEM É NADA

    ResponderExcluir
  8. QUANDO SERA QUE VAI CHEGAR AO INTERIOR DO ESTADO OS VALIES ?

    sera que ja não tem gente metendo a mão na verba, e os resto se fudendo

    ResponderExcluir
  9. Temos trÊs tipos de policias no nosso estado! a querida policia civil, a dos oficiais militares,e a dos praças da PM. esta última ha coitadinha.

    ResponderExcluir
  10. VOCES NÃO SABEM AONDE ESTÃO OS RESTANTES DOS VALE?
    AO MEIO DIA VÁ ATÉ O RESTAURANTE EM FRENTE AO QCG QUE MUITOS OFICIAIS ESTAM COMENDO E CADA UM TEM MAIS DO QUE DOIS VALES...
    ISTO É UMA VERGONHA...

    ResponderExcluir
  11. uma vergonha isso, escala massacrante e agora de quebra sem comida, e tem gente q ainda acha q vai sair alguma coisa em termos salariais pra gente, vão sanhando acordados, a vedade é q nessa policia temos q pagar pra trabalhar.

    ResponderExcluir
  12. Fazemos como a Rocam que agora só a partir das 13hs ou cada um componente pega o qtl em casa?

    ResponderExcluir
  13. 4º BPM eis aí o batalhão.

    ResponderExcluir
  14. Isso é uma pouca vergonha, um vale refeição de 6 CONTOS! o que um policial militar de serviço vai comprar com uma merreca dessas? só se for mesmo um refrigerante com uma coxinha e isso não é almoço,aliás nem de lanche pode se chamar. Mais triste ainda é saber que existem oficiais da gloriosa, que pegam os vales refeições que deveriam ser dados aos praças de serviço, e ficam com eles para depois irem até determinados locais com a sua família para fazer uso dos mesmos, aí é vergonhoso. Acaba com a instituição.

    ResponderExcluir
  15. qdo vai chegar o vale refeição no 7º BPM,sempre somos esquecidos,assim não dar,e nos destacamentos de cidades pequenas.

    ResponderExcluir
  16. Meus caros, eu achava que já tinha visto de tudo na Polícia Militar, hoje que estava muito enganado, no 9º BPM, o Maj. Vilela, falou a tropa ( aos que estavam saindo e entrando de serviço ) que por um atraso na chegada dos nossos vales ( os de $ 8,00 ) todos os combatentes de rua que fossem assumir o serviço noturno teriam que vir jantados de casa, pois não mais seria pago o vale noturno ( até a chegada dos novos vales, prevista pra daqui 45 dias).
    A solução parece boa; só que quem vai pegar o serviço as 20h ( até ontem era 19h) deve se alimentar em casa no mínimo até as 7.20h e só comeria no outro dia, após a rendição e chegada ao seu lar, por volta das 8:40; num cálculo grosseiro, 13h20m.
    Então vcs viram mudar a passagem de serviço para as 8h e 20h não resolve o problema do vale, que diga de passagem, não é nosso problema.

    SOCORRO.

    ResponderExcluir