POLÍCIA MILITAR PRENDE UM SUSPEITO DE MATAR SOLDADO E MATA OUTRO EM TROCA DE TIRO

A Polícia Militar prendeu, na tarde desta segunda-feira (11), um suspeito de participação no assassinato do soldado da PM Carlos Magno Guimarães, que ocorreu no dia 17 de junho, em Felipe Camarão, zona Oeste de Natal. Na operação policial, homens do 9º Batalhão apreenderam armas e drogas em Felipe Camarão e em Extremoz, onde o suspeito foi detido.

De acordo com informações preliminares, os policiais foram até Felipe Camarão em busca dos suspeitos. No entanto, ao chegarem a uma residência onde supostamente funcionava uma "boca de fumo", os policiais se depararam apenas com menores que possivelmente não tinham participação no homicídio. Depois de apreenderem drogas no local, foram a outro ponto de venda de drogas em Extremoz.

Logo ao chegarem à boca de fumo, os policiais foram recebidos a tiros e responderam. Na troca de balas, um bandido identificado como Júnior acabou atingido e morreu no terreno onde já funcionou a garagem de uma empresa de ônibus, no Parque das Jangadeiras, por trás da rua Bem Me quer. Ao todo, seis pessoas foram detidas, mas a polícia segue em diligência à procura de uma mulher que supostamente comanda o ponto de venda de drogas.

Na ação, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, uma escopeta calibre 12, munição, pequenas quantidades de crack, cocaína e maconha, além de celulares e dinheiro (reais e dólares).

Memória

O soldado Carlos Magno Guimarães foi assassinado por volta das 22h do dia 17 de junho, na rua Santa Catarina, em Felipe Camarão. Ele caminhava à paisana pelo bairro, quando um motociclista o abordou e atirou, sem chance de reação, matando o policiail ainda no local.

Fonte: Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário