POLÍCIA MILITAR DEFLAGRA OPERAÇÃO ZONA NORTE SEGURA

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), por meio da Polícia Militar, deflagrou nesta sexta-feira (8), mais uma operação na Zona Norte de Natal. O ponto estratégico foi o bairro de Nossa Senhora da Apresentação que recebeu a presença ostensiva dos policiais que foram indicados pela Subcoordenadoria de Estatística e Análise Criminal (SAEC).

Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) e Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) participam do trabalho, que começou às 19 horas e terminando na madrugada deste sábado (9).

O subsecretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, Airton de Sá Ferraz, o subcomandante do Policiamento Metropolitano, tenente-coronel Alarico Azevedo e o comandante do 4º. Batalhão de Polícia Militar, situado naquela região da capital, tenente-coronel Zacarias Mendonça, acompanharam os trabalhos.

Além do trabalho dos policiais a Operação Zona Norte Segura contou com a “blitz eletrônica”, onde uma viatura aparelhada com câmeras especiais realiza a analise dos veículos no banco de dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O veículo fica posicionado em um ponto estratégico onde ele consegue captar a imagem da placa e detectar as infrações daquele veículo. Em seguida o policial avisa aos colegas, por rádio, que abordavam o motorista infrator.

O subsecretário de Segurança Pública, Airton Ferraz informou que “a operação irá continuar neste final de semana e que este trabalho visa oferecer uma maior sensação de segurança a quem circula pelas ruas da capital, e outros pontos já estão sob monitoramento, para que operações sejam desencadeadas em breve”.

Os resultados das operações serão divulgados pela Subcoordenadoria de Estatística e Análise Criminal após serem tabulados.

Fonte: nominuto.com

3 comentários:

  1. só tem trabalho é o que vem da secretária aumento salarial nunca vem. os PM tem que deflagrar operação esmola é isso que vai acontece já já com esse salário de fome.

    ResponderExcluir
  2. Esse governo já deixou bem claro que não vai dar aumento a nenhuma categoria. no caso da PM, quem quiser aumentar um pouco os rendimentos, terá que se submeter a essas famigeradas D.O onde tem que sair de casa logo cedo, ir até o QCG e depois concorrer a uma vaga. em suma, essa é a estratégia do governo e aumento de salários? subsidio? conversa fiada, ela não vai é dá nada para a Gloriosa.

    ResponderExcluir
  3. SERVIÇO É O QUE NÃO FALTA,AGORA VALORIZAÇÃO,PASSA BEM LONGE DESSE GOVERNO HIPÓCRITA.

    ResponderExcluir