BANDIDO MORRE APÓS AGREDIR UM GUARDA E ESFAQUEAR DOIS POLICIAIS

O policial militar Carlos Alexandre Coelho foi esfaqueado no abdômen por um homem identificado durante uma abordagem de rotina na noite de domingo (24), em Areia Branca, onde na mesma ação outro policial também foi atingido de raspão no pescoço. O acusado do esfaqueamento, Joseildo Gomes da Silva, o "Gadê", já havia ferido um guarda municipal a pauladas, conseguiu fugiu se refugiando no mato, mas foi localizado e acabou morto pela Polícia Militar após ter resistido à prisão.

Segundo informações da polícia, por volta das 22h os dois PMs foram acionados por populares para prender um elemento que havia cometido vários assaltos e agredido a pauladas um guarda municipal que tentou impedi-lo de assaltar uma escola. Eles encontraram o suspeito e deram voz de prisão, momento que Carlos Alexandre colocou uma algema em um dos braços do acusado, que com a outra mão efetuou a cutilada. Na ocasião, o agressor investiu contra outro policial, ferindo-o de raspão.

A DP de Areia Branca solicitou reforço do 2º BPM de Mossoró. Os policiais cercaram o agressor que mesmo assim tentou golpeá-los. Ele foi baleado, conduzido ao hospital, mas morreu em seguida.

Carlos Alexandre Coelho foi levado ao Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), submetido a intervenção cirúrgica e continua internado em estado grave. O guarda municipal atingido na cabeça teve afundamento de crânio, foi levado a Natal e seu quadro também é grave.

O Mossoroense

Um comentário:

  1. ainda dizem que a policia é truculenta.... depois de levar varias facadas e reagir a prisao ai sim teve que ser contido de maneira mais rigida

    ResponderExcluir