CEARÁ: 3 POLICIAIS SÃO EXPULSOS POR DORMIR EM VIATURA

Os soldados foram flagrados dormindo na viatura, estacionada dentro de uma escola no bairro Vila Velha. Eles responderam a processo e foram expulsos.

Os três policiais do Ronda do Quarteirão flagrados dormindo dentro de uma viatura, em outubro do ano passado, foram demitidos da Polícia Militar. A decisão foi publicada, esta semana, no boletim do Comando Geral da PM. Os soldados foram alvos de um Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

O caso foi mostrado com exclusividade pelo O POVO. Na madrugada do dia 11 de agosto de 2010, os três policiais foram presos, em flagrante, acusados de dormir na viatura, durante o horário de serviço. A Hilux estava estacionada dentro de um colégio no bairro Vila Velha, em Fortaleza. Uma das fiscais do Ronda foi até o local e fez o flagrante.

Segundo documento da Polícia Militar a que O POVO teve acesso, os soldados do Ronda teriam entrado em contato com o vigilante da escola e colocado o carro dentro do colégio, numa área com pouca iluminação. Em seguida, os PMs “apagaram as luzes do veículo, subiram os vidros laterais e, com o ar-condicionado ligado, passaram a dormir no interior da viatura.”

A fiscal do Ronda sentiu falta dos policiais rondando a área do Vila Velha e recorreu ao sistema de monitoramento via satélite implantado nas viaturas. O GPS apontou que o veículo estava no colégio. A oficial foi até lá e, com uma lanterna, acordou os soldados. O flagrante foi por volta das 4 da madrugada.

Os soldados Francisco Felipe de Medeiros Oliveira, Carlos Henrique Silveira da Silva e Antônio Marley Alves Ferreira responderam a processo administrativo. Coube ao comandante geral da PM, coronel Werisleik Matias, decidir pela demissão.

“Há de se considerar o dano causado ao serviço de policiamento ostensivo motorizado causado pelos policiais militares, já que, da forma como agiram, comprometeram a segurança da sociedade. A permanência dos acusados na Polícia Militar do Ceará se tornou insustentável”, escreveu Werisleik no documento da PM.

De acordo com o comandante do Ronda, coronel Gomes Filho, os policiais já foram informados da decisão. “Eles perderam o posto de praça, foram expulsos”, diz. Os soldados já tinham sido afastados do programa de policiamento comunitário. Eles ingressaram na Polícia em junho de 2009.

Este não é o único caso de PMs flagrados dormindo em viatura. No dia 3 de setembro de 2010, O POVO mostrou que pelo menos seis policiais do Ronda estavam respondendo a procedimento administrativo por terem cometido a transgressão disciplinar. Os casos foram descobertos por meio do sistema de videomonitoramento em tempo real implantado em algumas das viaturas do Ronda.

Como
ENTENDA A NOTÍCIAA expulsão de policiais submetidos a procedimento administrativo está prevista no Código Disciplinar dos Militares Estaduais.Nesse caso, o comando da PM agiu rápido. O processo, que costuma demorar, levou cinco meses.

SAIBA MAIS

O POVO tentou entrar em contato, na noite de ontem, com a Associação dos Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, que acompanha o caso. O presidente Pedro Queiroz não atendeu às ligações.

Na época em que O POVO publicou a matéria sobre a prisão dos soldados, Pedro Queiroz levantou a questão sobre a escala dos PMs do turno da noite. Eles estariam estressados e cansados, o que teria levado alguns deles a dormir em serviço. A escala é de três dias de trabalho por um de folga; seguidos de três dias de trabalho por dois de folga.

O procedimento administrativo disciplinar é conduzido por três oficiais, nomeados pelo Comando da PM. As sanções variam desde uma advertência até a expulsão. Na investigação, os oficiais ouvem acusados, testemunhas e analisam as provas colhidas.

Fonte: O Povo

7 comentários:

  1. Nós somos pessoas não máquinas, o corpo humano foi idealizado para trabalhar pela manhã e dormir a noite,as atividades noturnas são contra a natureza humana por si só, o trabalho noturno está acabando com minha sáude nessa raio de escala ainda por turno ainda mais na viatura.Hoje sou uma pessoa doente,ansiosa e até um tanto violenta coisa q nunca fui,uso fluoxetina diariamente.

    ResponderExcluir
  2. De vez em quando pago um serviço,pois o cansaço é acumulativo,e é a maior burocracia até pra isso,será que esse oficial não dorme,será que têm câmera na VTR do oficial? Se ele não dormir é pq a escala deles é bem melhor,esses bravos guerreiros ganham mais por trabalhar nessa ronda do quarteirão?Quando chegar câmera por aqui saio da rua na hora,a vida policial já é estressante imagine sem poder falar mal do povo e sorrir,pois até sorrir é anti ético,já não bastasse as idas e vindas na corregedoria essa agora.

    ResponderExcluir
  3. Lembrança de morrer


    Quando em meu peito rebentar-se a fibra
    Que o espírito enlaça à dor vivente,
    Não derramem por mim nem uma lágrima
    Em pálpebra demente.

    E nem desfolhem na matéria impura
    A flor do vale que adormece ao vento:
    Não quero que uma nota de alegria
    Se cale por meu triste passamento.

    Eu deixo a vida como deixa o tédio
    Do deserto, o poento caminheiro
    — Como as horas de um longo pesadelo
    Que se desfaz ao dobre de um sineiro;

    Como o desterro de minh'alma errante,
    Onde fogo insensato a consumia:
    Só levo uma saudade — é desses tempos
    Que amorosa ilusão embelecia.

    Só levo uma saudade — é dessas sombras
    Que eu sentia velar nas noites minhas...
    De ti, ó minha mãe, pobre coitada
    Que por minha tristeza te definhas!

    De meu pai... de meus únicos amigos,
    Poucos — bem poucos — e que não zombavam
    Quando, em noite de febre endoudecido,
    Minhas pálidas crenças duvidavam.

    Se uma lágrima as pálpebras me inunda,
    Se um suspiro nos seios treme ainda
    É pela virgem que sonhei... que nunca
    Aos lábios me encostou a face linda!

    Só tu à mocidade sonhadora
    Do pálido poeta deste flores...
    Se viveu, foi por ti! e de esperança
    De na vida gozar de teus amores.

    Beijarei a verdade santa e nua,
    Verei cristalizar-se o sonho amigo....
    Ó minha virgem dos errantes sonhos,
    Filha do céu, eu vou amar contigo!

    Descansem o meu leito solitário
    Na floresta dos homens esquecida,
    À sombra de uma cruz, e escrevam nelas
    — Foi poeta — sonhou — e amou na vida.—(foi PM sonhou com a PEC e....)

    Sombras do vale, noites da montanha
    Que minh'alma cantou e amava tanto,
    Protegei o meu corpo abandonado,
    E no silêncio derramai-lhe canto!

    Mas quando preludia ave d'aurora
    E quando à meia-noite o céu repousa,
    Arvoredos do bosque, abri os ramos...
    Deixai a lua prantear-me a lousa!

    Álvares de Azevedo
    (1831-1852)

    ResponderExcluir
  4. Dormir em serviço? Por qual razão? o cansaço físico existe, não tenha dúvida, mas ocorre que os PMs estão de serviço, portanto, em momento algum poderiam dormir. Para isso existe o famoso 'quarto de hora',vejamos , se tem 3 PMs um fica em QAP na hora e atento, e os outros dois ficam na VTR relaxando. Agora com todo respeito a esses companheiros da PM cearense , dormir em serviço? ainda mais pedindo a um vigia de escola para ficar pastorando a VTR enquanto eles dormem? puxa! essa dai é de lascar. Outro detalhe: no RONDA QUARTEIRÃO a escala de serviço é de 8 horas diárias,ou seja, ninguém fica 24 horas na rua de serviço, e 8 horas de trabalho mesmo sendo a noite, não chega a ser desumano, é algo normal e aceitável. acho que ocorreu nesse caso, foi falta de profissionalismo, de maturidade, de compromisso com o serviço.Os PMs sabem que é crime dormir em serviço,que é um fato GRAVE, sendo portanto orientados sobre essa questão. Na minha ótica, se a escala fosse de 24 x 24 ai sim, não justificava exigir dos homens, pois eles são seres humanos e não máquinas. agora, nua escala de apenas 8 horas diárias, o PM ainda ter o luxo de ir dormir....acaba! mesmo assim eles vão recorrer a justiça, e em pouco tempo estarão nas ruas de fortaleza,abandonando o serviço, sendo 'pastorados' por vigia e dormindo.O que faz isso também é o famoso 'bico' que tira a folga do PM e deixa ele ainda mais cansado e stressado pois os salários pagos pelo estado , não dão para sobreviver de forma digna.

    ResponderExcluir
  5. Eu acho que os policiais erraram em dormir no horário de trabalho,puseram em risco a sua propria segurança,mas justiça para ser boa tem que começar de cima para baixo.Nunca ouvi falar que alguem de estrelas gemadas foi excluido por falcatruas beneficiamentos proprios com dinheiro da corporação,quem serve de exemplo sempre é o soldadinho.

    ResponderExcluir
  6. Aqui na policia do rn tem um oficial que desviou 600 mil reais, era para ter sido excluido das fileiras da policia militar,ei imagina só poseram ele pra miame pra a imprensa e a sociedade esquece-lo.Não é um tratamento totalmente benevolente e diferenciado ao tratamento dado a esses tres soldados?

    ResponderExcluir
  7. Comprar é ótimo, exigir é o ideal........
    Até onde vai a responsabilidade do Estado?
    Não somos máquinas!!!!!!!!!!!!!!
    Se limitamos ao dever humano de sermos FALHOS!!!!!!!!!!!!!!!
    Se soldado dorme, até quando o oficial estar atento?
    Casos a parti,todos somos iguais perante a Lei..................Acho que somos>>>>>>>>>..............

    ResponderExcluir