ALAGOAS: MAJOR BURITY SE ENCONTRA DETIDO NO CORPO DE BOMBEIROS POR ‘CRÍTICAS’

O major do Corpo de Bombeiros de Alagoas, Carlos Burity se encontra recolhido no Quartel Geral da corporação por conta das críticas feitas a falta de estrutura necessária para apagar um incêndio ocorrido no sábado, 2, no Pavilhão do Artesanato em Pajuçara.

Durante o combate as chamas, faltou água e a corporação precisou ser socorrida por dois carros de empresa particular, conforme informações dos lojistas. Diante da situação, os bombeiros foram alvo de protestos e vaias. Em entrevista a imprensa. Burity salientou que ouve críticas a 16 anos, mas o problema é da estrutura da corporação.


“Há 16 anos venho sendo feito de palhaço”, disse. "Todos sabem que faltam viaturas e equipamentos e somos nós quem escuta as reclamações da população como as de hoje. É preciso que todos saibam que a tropa é dedicada e faz o impossível para prestar o serviço ao alagoano", destacou ainda no local.

Burity confirmou a própria prisão por meio de seu perfil no twitter, ao tempo em que começou a receber solidariedade de seus seguidores. “Falei algo demais? Eu devo mentir”, colocou ainda ao falar de sua detenção. De acordo com informações obtidas pelo Alagoas24Horas, o major do Corpo do Bombeiros será detido por 72 horas por determinação do secretário de Defesa Social, coronel Dário César.

Paralelo a prisão, o major responderá por processo disciplinar pelas críticas feitas em público. Segundo uma fonte que esteve com Burity, o major demonstra revolta com o fato da determinação ter vindo do comando e ressalta que sempre foi um defensor da corporação. “Não cometi nenhum crime. Só fiz criticar problemas na estrutura, em um momento de estresse, com toda a população criticando o Corpo de Bombeiros”, colocou.

Burity já foi ouvido pelo comando do Corpo de Bombeiros. No dia do incêndio, o major sequer estava de serviço. Ao saber da ocorrência, ele colocou a farda e saiu de casa para ajudar os companheiros na operação de contenção das chamas no Pavilhão do Artesanato.

Fonte: Alagoas 24 horas

9 comentários:

  1. A UM DESRESPEITO MUITO GRANDE A NOSSA CONSTITUIÇÃO, COMO UMA PESSOA PODE SER PRIVADA DE SUA LIBERDADE SEM O DCEVIDO PROCESSO LEGAL, NINGUEM E MAIOR QUE NOSSA CARTA CONSTTITUCIONAL. (ART. 5, LIV, CF) - ninguém será privado da liberdade ou de seus bens sem o devido processo legal.
    SEM FALAR QUE ESTAMOS FALANDO DE VIDAS, QUE, CASO NAO TENHAM ESTRUTURA FISICA PARA TRABALHAR, ESTARAM CORRENDO OS MESMOS RISCOS DOS CIVIS QUE NECESSITAM DE AJUDA NUMA OCORRENCIA DE INCENDIO.
    DEVE SER REVISTO O SENTIDO DO NOME "CORPO".

    ResponderExcluir
  2. se nos instituições tivesse homens assim, aposto que tanto a Polícia com os Bombeiros teria outro respeito e era visto pela população de forma diferente.

    PARABÉNS MAJOR, pala atitude do senhor porque são poucos que tem.

    ResponderExcluir
  3. Se nas instituições tivesse homens assim aposto que a Polícia e os Bombeiros seria visto de forma diferene pela população.

    PARABÉNS MAJOR, pela atitude do senhor, são poucos que tem.

    ResponderExcluir
  4. Os verdadeiros culpados não nos dar condições de trabalho, quando um corajoso fala para todos ficarem sabendo é punido para manter escondido a falta de estrutura e respeito com os profissionais, bem como, com a população que será a mais prejudicada!

    ResponderExcluir
  5. Bravo Major Burity! Em vez de punição, ele marece é um troféu pela coragem de dizer a verdade, enquanto os demais oficiais estão calados.
    Natal/RN, 04 de abril de 2001.
    SUB JÚLIO - PM RN RR

    ResponderExcluir
  6. é preciso muita coragem, é preciso muito amor!!! parabéns major.

    ResponderExcluir
  7. "Para o triúnfo do mal, basta que os bons façam naaaaaaaada!!" e os os "bons" (entre aspas mesmo), preferem punir, que é mais fácil, a resolver os problemas, e os problemas continuam se alastrando ao longo dos anosO major deveria ser reverenciado pela sua atitude, pois se trata de um proficional que ama o que faz ; acredito que o mesmo deve ter se frustrado definitivamente, infelizmente é assim que acontece com o passar do tempo. os bons profissionais, tanto que têm pra oferecer as suas instituições são fadados e perdem o estímulo. acredito que muitas vezes as nossas instituições não merecem os profissionais que têm, é essa a conclusão que tenho depois de 10 anos de serviço prestado. mas enquanto estiver por aqui continuarei prestando um bom serviço, pois a população não tem culpa desse tipo de coisa que acontece internamente. falo assim(enquanto estiver por aqui),pois percebi que não vale a pena continuar.... afinal, os "bons" não estão nem aí...é como eu costumo dizer," nós PM´S e BOMBEIROS existimos para resolver problemas e principalmente pra levar a culpa"Essa é a explicação para o aumento da evasão de profissonais de nossas instituições(não é necessário nenhum estudo científico para chegar a essa conclusão)... pessoas extremamente capacitadas, que contribuiriam positivamente, mas em pouco tempo, perceberam que não tem condiçoes de prosseguir...

    ResponderExcluir
  8. Esse major deve ser condecorado... Nós militares não podemos trabalhar sem ter a minima infraestrutura... Não posso trabalhar em viaturas sucateadas colocando a minha vida em risco e a de terceiros.... Esse oficial mostra que ainda existem alguns que independentes de compromissos politicos ainda tem valor moral.... Ele é um exemplo. Nelson Mandela passou decadas preso e nem por isso mudou suas convicções...Muito bom Major, um dia teremos muitos como o senhor na gloriosa... quem sabe um dia

    ResponderExcluir
  9. Como pode alguém ser preso porque falou a verdade? Que mal exemplo deu o superior desse major.
    Que país é esse? Que Estado é esse? Que pune um profissional dedicado, que apenas se defendeu através de um desabafo, das cobranças da sociedade, na hora em que prestava socorro ao incêncio.
    Parabéns major, te conheço desde o tempo que foi professor do colégio INEI, sempre responsável! Não desista, continue sendo essa grande personalidade! um abraço.

    ResponderExcluir