PM DESARMADA, EM GOIÁS!

O deputado Major Araújo (PRB) apresentou o projeto de lei n° 787, na Assembleia, que dispõe sobre o desarmamento dos policiais militares de Goiás. A proposta já foi aprovada preliminarmente em Plenário e seguiu para discussão e votação na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ).

De acordo com o projeto, "fica proibido o uso de armas letais, de fogo de qualquer calibre, pelos policiais militares, durante as diversas frentes de serviços realizadas pela Polícia Militar".


A proposta visa a um desarmamento geral dos PMs de Goiás, inclusive daqueles escalados para os serviços diários de radiopatrulhas nas diversas unidades independentes e destacadas, bem como dos pelotões e destacamentos policiais militares em todos os municípios do Estado de Goiás.

Em sua justificativa, Major Araújo lembra o trabalho que a Polícia Militar de Goiás realizou nos últimos 150 anos e que a credenciou como exemplo para outras instituições militares no País. Coloca que tomou essa iniciativa diante dos últimos acontecimentos ocorridos no Estado, envolvendo alguns policiais militares.

"Particularmente, as ações midiáticas e pirotécnicas desencadeadas pela Polícia Federal em conjunto com o Ministério Público Estadual, órgãos incumbidos constitucionalmente para zelar pela ordem legal, pelo Estado Democrático de Direito, sobretudo os direitos fundamentais dos cidadãos, ridicularizando uma instituição sesquicentenária, que é a PM-GO."

Major Araújo tece outras considerações em que enfatiza a importância da Polícia Militar no combate à criminalidade, com vistas a garantir a segurança pública. "Sabemos que defender a própria vida é instinto natural, defendido pelo próprio direito natural, assegurado a todos os seres humanos, e, por essa razão e com esse propósito, o Estado dota seus servidores especializados em segurança de armas para que estas sejam usadas em defesa própria ou de outrem, nos termos previstos em lei."

E completa, defendendo o desarmamento: "Porém, em nosso Estado, melhor seria que esses profissionais trabalhassem sem armas, pois o uso dessas ferramentas em serviço está acarretando problemas e prejuízos irreparáveis aos seus usuários e a seus familiares, não computando, aqui, os enormes prejuízos causados à corporação, que nada mais é do que representante do Estado no contexto da Segurança Pública. Por isso, a nosso ver, justifica-se a aprovação do presente projeto".

Fonte: ALGO

22 comentários:

  1. Relmente ele está certo! Se é que quer sacrificar cada vez mais PMs em pró não sei do quê! O que esse imbecil pensa que é? Quem ele pensa que é? Pelo amor de Deus, a Polícia pede socorro, e os que aparecem é para terminar de exterminá-la? Se não for a misericórdia de Deus não sei o que será de nós,...

    ResponderExcluir
  2. Pensei que já tinha visto de tudo, mais esta ai mostra como nossos representantes ENTENDEM DE SEGURANÇA, kkkkkkkkkkkkkkkkk.
    Que piada engraçada.
    Olha que vou cita agora
    Se esta lei vigorar aposto com qualquer um que a criminalidade no estado de Goiás vai aumentar e muito.

    ResponderExcluir
  3. Posso dizer que é muito irônico pra não dizer-se cômico essa lei. E o senhor "major" so deve ser um especialista em horras funebres para projetar tal lei. Se bem que o senhor nos passa a entender que de serta forma "ama" de 'coração' seus companheiros de farda. Persa o senhor para os bandidos distribuir flores que a policia ira destribuir simpatia. Major perca seu tempo na luta para a valorização dos seu compalheiros, que só assim seus estudos irar servi muito mais. "Sim, gostaria de lembra-lhe que estamos no Brasil e não na Holanda".

    ResponderExcluir
  4. Vergonha.Confiram o post do Castle, no link ds Críticos Intelectuais Reunidos :http://veritasunitatis.blogspot.com/2011/03/piada-de-mau-gosto-na-pmgo.html

    ResponderExcluir
  5. Os meus 23 anos de PM me credência a vos dizer-lhe, este "DEP MAJO" ou mudou de lado ou tem marginal muito querido na familia, imcompetente já estar visto que é.E o irónico é que ele teve votos da PM do seu estado, vai ser asno assim na assembleia jegue.

    ResponderExcluir
  6. aposto q esse major foi o primeiro q dentro de quarteis andou pedindo voto a propria policia dizendo "votem em mim,vamos eleger um da casa"é o costume...quando eleito acontece disso ai q acabei de ler,infelizmente quando acabar o mandato desse individuo ele ira p/ reserva não sei se houve mudança na lei,mais gostaria de ouvir q essa carniça foi alvejada c/ varios disparo de arma de fogo durante um assalto pois os bandidos foram assaltar ele e reconheceram ele como policia e mandaram chumbo...ai sim iria pedir pinico a policinha q tambem estavam desarmados e iria responder q não poderia lhe atender pois também estavam desarmados...nós estamos no brasil e a cultura tanto da policia como da população é diferente,nos estados unidos todo o cidadão tem direito a possuir uma arma em casa,a policia tambem pode e deve uasr e fazer uso do poder de fogo contra qualquer de queira enfrentar a lei,lem ocorrências c/ refem em primeiro lugar a vida do policial depois do refem e por cultimo do marginal,no nosso atrasado pais é o contrario do q eu disse,primeiro o marginal depois do refem e por ultimo o representante do estado é vergonhoso e lamentavel q exista um individuo c/ uma mentalidade dessas.

    ResponderExcluir
  7. Muita gente não entende, mas essa lei é apenas para evitar que policiais militares em serviço, por exemplo em um estádio de futebol onde se encontre uma grande multidão, possa utilizar armas de fogo . A lei não prejudica o serviço da PM de forma alguma, apenas estabelece que em determinados locais, como o citado acima , se utilize armamento NÃO LETAL ( spray de pimenta,bastão, algema, bala de borracha, armas de choque, detector de metal e etc ) não se pode entender como e pra que, policiais militares em jogo de futebol, com estádio lotado entre de serviço armado de PT.40! vai atirar em quem lá dentro do estádio? foi isso que ele quiz dizer...

    ResponderExcluir
  8. Meu Deus a que ponto chegamos...
    sem comentários pois trata-se de uma loucura, depois me chamam de louco.
    Caros amigos que tipo de absurdo é este, os bandidos vão fazer a festa, deve ter muitos deles já de passagem marcada para o estado de Goiás!
    falando sério, isso é uma piada da rede, certo?

    ResponderExcluir
  9. Essa lei é mais uma das safadesas dos parlamentares com a Polícia e com a população de bem desse país, a polícia desarmada já acontece o que acontece e ela desarmada kkkkkk quero ver pegar fogo e a culpa vai ser desses .... que suga o dinheiro do contribuinte, vá botar sua mãe para as ruas parlamentar?? porque eu não vou desarmado para as ruas. Deveria passar um tisuname em Brasília e levar desses parlamentares nas enchorradas e essa coisa ainda foi "Polícia" é piada mesmo. kkkkkkkkkkk se cerca Brasília vira circo mesmo!!! kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  10. posso está ficando louco de verdade, mais acredito na minha inocência que o que está faltando é o estado de Goiás, capacitar os seus policiais a utilizar o armamento corretamente e lhes fornecer estrutura adequada as suas funções para não querer tampar o Sol com a peneira.Essa atitude nada mais é uma forma de não cumprir com as obrigações legais do estado.

    ResponderExcluir
  11. Essa lei é o retrato da Segurança Pública que o Brasil merece, porém estar totalmente fora da realidade,a polícia armada já acontece o que acontece imagine ela desarmada, Esse parlamentar vai botar a mãe dele para trabalhar nas ruas imundas de bandido desse país, isso é corporativismo os bandidos defendendo bandido, e não dúvido que essa lei seja aprovada com essa Presidenta ... é bom que nós policiais que luta contra o mal diariamente vamos ficar de braços cruzados nos quarteis poeque eu não vou para as ruas desarmados!!!

    ResponderExcluir
  12. ezequiel.emprestimos@hotmail.comdeste jeito quem vai mandar vai ser o vagabundo, nos que trabalhamos na rua e que sabemos com quem lidamos no dia a dia, vagabundos antes andavam armados de revolveres agora so de pistolas, ai eu faço uma pergunta quem foi que elegeu um cabra destes para ser representante a nao ser q ele esteja representado bandido, desarmar policia, e arma bandido, pelo amor de deus nao caian nesta pois quem esta na rua somos nos eles ficam e detraz de um biror agora eu entregue minha arma nummmmmmmmmmcccaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  13. CAVALEIRO: Leia bem o post antes de postar um comentário como este q vc postou, pq no post ta dizendo assim: "A proposta visa a um desarmamento geral dos PMs de Goiás, inclusive daqueles escalados para os serviços diários de radiopatrulhas nas diversas unidades independentes e destacadas, bem como dos pelotões e destacamentos policiais militares em todos os municípios do Estado de Goiás." Vc é policial??? Se for, pense bem, vc pode tomar um tiro estando de serviço tanto no meio da rua como dentro de um estádio q possui vários locais de fuga fora de arquibancadas, como foços e outros setores internos, e tbm tem a hora da saída do estádio! Quando o PM vai a um estádio de futebol ou Carnatal(lugar de muito tumulto), ele ñ só faz a segurança interna, tbm atua fora do mesmo. O uso de arma de fogo, a proteção q ele vai dar a esta arma de fogo enquanto estiver em meio ao público vai depender da capacidade do mesmo, afinal todos os PMs são adultos e responderão por cada ato, seja positivo ou negativo!!!

    ResponderExcluir
  14. pode investigar a vida desse deputado vão ver se ele ou algum chegado dele não é dono de funerária.

    ResponderExcluir
  15. Esse idióta QI de ameba ainda é Major? No mínimo se brincar ele deve estar recebendo algum agrado de alguma quadrilha q queira dizimar a classe dos Polciais.
    Eu já ví muita lei idiota agora essa realmente merece um óscar, quem foi q elegeu um analfabeto desses?
    Alguem indique ele p Ministro da defesa ou qualquer coisa parecida.

    ResponderExcluir
  16. Meu DEUS onde chegamos isso que esse major quer é uma piada,pior não é esse louco criar essa lei,pior é se se os outros parlamentares aprovarem.kkkkkkkk,tem que rir porque bricadeira.

    ResponderExcluir
  17. FIQUEI ME PERGUNTANDO, SERÁ QUE ESSE CIDADÃO É UM OFICIAL DA PM DO QUADRO DE SAÚDE OU DA ADMINISTRAÇÃO? SERÁ QUE TODA SUA CARREIRA NO OFICIALATO FOI SENDO BABÁ DE POLÍTICOS, ATRAVÉS DE UM COMPLICADÍSSIMO SERVIÇO DE AJUDÂNCIA DE ORDEM? SERÁ QUE O MESMO FOI UM OFICIAL COMBATENTE "QOPM"? SIM AQUELE QUE O SERVIÇO É PARA SER NO SERVIÇO DE RUA NÃO EM GABINETE, ACHO QUE NÃO; ELE NUNCA PRECISOU TRABALHAR NA RUA, A POLITICAGEM JUNTAMENTE COM AMIZADES ESDRÚXULA DE EMPRESÁRIOS, MAGISTRADO, MÉDICOS OU PLAYBOYS CORRUPTOS "SEM GENERALIZAÇÃO" FAZ COM QUE LEIS QUE BENEFICIARAM MEIA DÚZIA DE "DEUSES" SEJAM RÁPIDAMENTE APROVADAS.

    ResponderExcluir
  18. Infelizmente papel é algo morto... aceita de flores até fezes; acho que o senhor Dep deveria aproveitar idéas de quem tém conteúdos saudáveis e pensam grande... é lementável sabermos que temos representantes com mentes mente(s) vazia(s).

    Suporta esse brasil?... Ai ai de nós.

    ResponderExcluir
  19. SÓ PODIA SAIR ESSA BABAQUIÇE DE UMA CABEÇA DE UM DEPUTADO SEM A MINIMA DEIA DE SER UM POLCIAL! "DEPUTADO QUANDO FOR POSTAR ALGUMA MATERIA FIQUE SÓBRIO, QUE MATO PODERESO ESSE QUE O SENHOR DEU UM TAPA VIXE MARIA!

    ResponderExcluir
  20. Gostaria de saber se esse oficialzinho aí teria coragem de trabalhar nas ruas armado. Gostaria de saber se ele teria coragem de trabalhar nas ruas desarmado.

    ResponderExcluir
  21. Não se espantem pois ainda vem o mané do cavaleiro falar asneira; só podia ser um cavaleiro acostumado a lidar com cavalos.

    ResponderExcluir
  22. Venho pedir ao Real sociedade futebol clube que respeite a opinião dos outros colegas, pois mesmo que não concordemos com o ponto de vista de algum companheiro, devemos respeitá-lo. pois assim é que se faz na democracia. Quero deixar uma frase para a meditação do companheiro :"Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las".
    Voltaire

    ResponderExcluir