TENENTE CORONEL MENDONÇA ESCLARECE REUNIÃO COM O SECRETÁRIO DE SEGURANÇA

Tenente-coronel Mendonça, presidente da ASOF
Por Soldado Glaucia

Ao verificar a grande repercussão entre os praças da visita da Associação dos Oficiais ao Secretário de Segurança, Aldair da Rocha, o Tenente-coronel Mendonça, presidente da associação, entrou em contato com o blog para esclarecer algumas questões surgidas após a reunião, como a possível tabela de subsídio.

O Coronel Mendonça, em conversa com o blog, afirmou que a reunião ocorrida no último dia 16, quarta-feira, foi para tratar de interesses de toda a categoria policial militar, oficiais e praças. Segundo o oficial superior foram debatidos, entre outro assuntos, a evasão de militares da corporação, a lei do subsídio e a apresentação de um pacote de leis da segurança pública estadual à Assembléia Legislativa.

Para o TC Mendonça muitos militares estão se licenciando das fileiras da Corporação em busca de melhores salários. "Estamos perdendo muitos policiais, inclusive para a própria Polícia Civil", comentou o Tenente Coronel ao comparar o salário das duas polícias norte-riograndense. Segundo ainda o Coronel Mendonça não foi apresentada nenhuma tabela de reajuste salarial, "até porque sabemos da atual situação financeira do Governo do Estado. Apenas relatamos a disparidade salarial entre a Polícia Civil e a Militar, onde um delegado em início de carreira ganha mais que um tenente coronel e um agente mais que um soldado", continuou o oficial. Para o Coronel o mínimo deveria ser a equiparação salarial entre as duas polícias.

Segundo o oficial superior, o Secretário fora bastante compreensivo quanto a questão salarial dos militares, já que o mesmo também houvera sido policial militar do Estado de São Paulo e sabe das dificuldades inerentes à categoria, chegando a ficar surpreso com a disparidade apresentada.

Indagado sobre a participação de outras associações, o TC Mendonça afirmou que espera a união das demais associações de praças e que está aberto ao diálogo para que juntos tratem de interesses relevantes à categoria. Para o Tenente Coronel a iniciativa da Associação em se reunir com o secretário não deve ser vista como uma forma de segregação, mas como o primeiro passo para apresentar as dificuldades pelas quais passam todos os policiais militares e, posteriormente, conquistar melhorias para toda a categoria.

Em toda a conversa com o TC Mendonça, o mesmo demonstrou cordialidade e o interesse pela coletividade, sempre comentando sobre a importância da união da categoria para toda e qualquer conquista.

Matéria criada pela Sd Glaucia, com informações do Tenente Coronel Mendonça

15 comentários:

  1. Bom seria que as associações de praças aproveitassem essa abertura da ASOF, para procurar unir forças em prol da categoria, visto que as associações de praças são num todo muito faccionada, tornando-as fracas e sem forças, por causa do número de associações criadas em todo o Estado. Deveriam se unirem entre si e formar um só representante dos praças, aí sim, teríamos mais forças em nossas reivindicações! Pensem bem e um abraço a todos!

    ResponderExcluir
  2. Estive lá e presenciei. Tudo o que foi dito pelo Ten Coronel Mendonça foi realizado no encontro. Nada a mais e nada a menos.

    ResponderExcluir
  3. Eu mesmo estudo todos os dias para sair da Tão Bonita Policia Militar, não porque ser policial é ruim, mas porque não temos o reconhecido valor, salários baixos, as vezes falta condições de trabalho, ate o vale refeição não é distribuído de forma uniforme, e as vezes o soldado tão cheio de conhecimento não é reconhecido pelos comandantes as vezes chegando até a ser tratado com indiferença devido a sua hierarquia militar. Por fim, hoje não me sinto bem sendo policial militar porisso espero melhoras para resgatar não so a minha alto estima, mas que seja de toda a tropa, que é perceptível o descontentamento de tal.

    ResponderExcluir
  4. Fato esclarecido ok, então quem foi que jogou gasolina nessa fogueira? De onde inventaram essa tabela?Quem a inventou para causar ainda mais segregação, só mais uma coisa, para mim o justo era se houvesse um aumento de 50% por exemplo deveria ser para todas as patentes e não diferenciar mantendo assim o mesmo ínidice.

    ResponderExcluir
  5. Cuidado com esse negócio de união entre as associações. Quem se lembra da greve onde o clube dos oficiais estava junto com o praças e no final eles conseguiram o que queriam e caíram fora deixando os praças todos presos? Os oficiais querem usar mais uma vez os praças para cinseguirem o que quer?

    ResponderExcluir
  6. O salário da PM é inferior inclusive aos guardas municipais, agentes de trânsito municipais e agentes penitenciários, temos o salário mais defasado dos agentes de segurança do estado, isso deve ser sanado o mais rápido possível , essa discrepância é inaceitável, e acho que as associações dos praças estão sendo negligentes com a categoria na busca por melhorias tanto de condições de trabalho como salarial.

    ResponderExcluir
  7. Alguem poderia postar o salario das demais categorias de segurança e fiscalização,dos mais subalternos,tipo soldado,agente de transito em inicio de carreira,grato.

    ResponderExcluir
  8. Simplesmente criaram uma tabela que tornará impossivel uma negociação razoavel. O maior salario do Brasil gira em torno de 15 mil em Brasília. Sergipe ocupa um dos melhores do Brasil e o primeiro do Nordeste 12 mil e alguma coisa... o RN que receber 17 mil ????? Essa tabela esta muito esquisita.

    ResponderExcluir
  9. É amigos, nós policiais militares somos a escória da segurança publica do RN. Será que ninguém percebeu ainda que a viatura sem o Homem (policial), a arma sem o Homem (policial) não valem nada. Então por que não valorizar o Homem? Valorizem o Homem e verá do que ele é capaz. Não me admiro tantos policiais "bons" deixando a corporação em busca de melhores condições de vida. Nós trabalhamos para poder dar mais qualidade de vida para nossa família, sem qualidade de vida o que acontece? Muitos policiais se desviam da função e entram em coisas ilícitas. Gosto muito do que faço e faço porque gosto, espero nunca me desgostar mas já estou também estudando para buscar coisa melhor e digo a todos estudem, pois é através do estudo que poderemos alcançar melhores condições de vida. Um abraço a todos e fiquem com Deus "Vamos orar pelos nossos governantes e comandantes, DEUS existe! e vai fazer um milagre na vida deles e se lembrem de nós". Vamos deixar de ser escória

    ResponderExcluir
  10. Lembrei recentemente de fato acontecido na Bahia, a associação dos oficiais tomou a frente de um movimento (greve) em seguida negociou de forma separada com o Governo bahiano e em seguida anunciou o fim do movimento sem consultar as outras associações, CUIDADO! Quem deve estar a frente é a maioria e não àqueles que por muito tempo estiveram no oprimindo e lutando em pró de vantagens individuais,... FICA O ALERTA!

    ResponderExcluir
  11. As negociações salariais tem que ser resolvidas ainda este ano, para que na lei orçamentária para o próximo ano ja esteja incluso este aumento.

    ResponderExcluir
  12. Muita gente ainda não se deu conta,mas é por isso que o Brasil é tido como um país de altíssima desigualdade social,enquanto um trabalhador rachando no sol do Alecrim ganha 545,um juíz ganha mais de 25000,,enquanto um praça talvez ganhasse 2900 um coronel ganharia 17000, equivalente a quase 6 pracinhas,isso desvaloriza o soldado que têm sua alto estima abalada e eleva perigosamente o orgulho e ego dos oficiais que já se acham os donos da galáxia terão a certeza que têm a galáxia e o dinheiro contido nela.

    ResponderExcluir
  13. Primeiramente vc tem que moralizar os concursos para ingresso na PM. O último concurso realizado em 2005 p/ sd até hj ainda está convocando, nunca vi isso na minha vida. Inclusive virou motivo de piada, pois muitos disseram que foi um alistamento já que chamou "até que naum fez prova". Não diferente vem acontecendo com o último CFO, sem contar que em ambos as provas são compostas por questões de geografia, história do rn...em que servirão essas disciplinas na atividade policial? O último concurso da polícia civil exigiu nível superior e teve sua prova feita pela cespe unb (empresa essa que normalmente realiza os certames da PF), composta por questões de dir. penal, constitucional,proc. penal e até medicina legal. Eu acho muito vago o argumento de dizer que temos que ganhar mais ou igual a um APC (praça) ou DPC (oficial), pois o que normalmente determina o salário de uma categoria é o nível de escolaridade exigido, a dificuldade de ingressar na instituição, a complexidade de sua atividade e o respeito que ela impõe. Não é a toa que a PF tem excelentes salários. E pelo amor de deus não vamos utilizar o frágil argumento de que trabalhamos mais do que categoria A ou B, poi se fosse assim teriamos que exigir salários melhores do que os PFs.

    ResponderExcluir
  14. Infelizmente eu não confio nas palavras deste Oficial, pois ele já traiu a categoria uma vez pode trai de novo. Nos Praças não podemos confiar em promessa temos que entrar nessas reuniões com todas as associações só assim, saberemos toda a verdade.

    ResponderExcluir
  15. Amigos a unica saida é estudar,amo a policia militar mas tratando a gente dessa forma,ganhando menos que um agente peniteciario,não estou aqui tirando o merito dos agentes de ter conseguido este salário,mas se tirar os policiais militares dos presidios,alguns predios publicos,dps e outros orgãos que precisam da pm,todos esses orgãos deixariam de funcionar.

    ResponderExcluir